FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 11 Jun 2010

Entrevista exclusiva ao novo Bispo: “Envio um xi-coração à diocese”

O novo Bispo de Viana do Castelo, D. Anacleto Oliveira, toma posse a 15 de Agosto, precisamente na semana da Romaria d’Agonia, um dos pontos […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O novo Bispo de Viana do Castelo, D. Anacleto Oliveira, toma posse a 15 de Agosto, precisamente na semana da Romaria d’Agonia, um dos pontos altos das celebrações eucarísticas da região. O anúncio do sucessor de D. José Augusto Pedreira, que já atingiu os 75 anos, foi feito pelo Vaticano, confirmando a notícia avançada pela Geice. O novo bispo de Viana do Castelo, D. Anacleto Oliveira, já elegeu como tarefa prioritária conhecer a realidade humana e religiosa da Diocese e da região.
Ouvir entrevista exclusiva

 
À Geice, o ainda Bispo Auxiliar de Lisboa sublinhou que a primeira expectativa “é conhecer a diocese”, a mais nova do País, constituída apenas em 1978, admitindo que “conheço mal aquela região”: “É um desafio e eu amo os desafios. Mas reconheço que conhecia superficialmente as dioceses do Norte e tive que começar a aprender”, apontou. Prestes a completar 64 anos, D. Anacleto Gonçalves Oliveira, foi nomeado por Bento XVI para a Diocese de Viana do Castelo, substituindo no cargo D. José Pedreira, um dos cinco que o Vaticano deverá substituir em 2010 por terem atingido os 75 anos, o limite de idade estipulado pelo direito canónico. O bispo eleito de Viana afirmou estar “confiante” com as novas tarefas pastorais. “Em bom português, abraço toda a diocese através de um xi-coração muito coração”, brincou o bispo. De saída está D. José Augusto Pedreira, nas funções desde 1997, e que também já saudou o sucessor: “Exorto a inteira comunidade cristã desta Igreja diocesana, presbíteros e fiéis leigos, Conselhos Pastorais de governo, secretariados e movimentos eclesiais a dedicar-lhe fiel e generosa colaboração e a unir as suas orações e súplicas ao Senhor pelo frutuoso desempenho do seu novo ministério”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts