FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 16 Set 2010

Ponte de Lima: Têxtil fecha portas e deixa 30 no desemprego

No distrito há mais uma empresa têxtil a fechar portas. Trata-se da Sociedade Palmira Rodrigues Dias, Lda, situada em Poiares, Ponte de Lima, e que […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No distrito há mais uma empresa têxtil a fechar portas. Trata-se da Sociedade Palmira Rodrigues Dias, Lda, situada em Poiares, Ponte de Lima, e que deixa sem emprego três dezenas de trabalhadoras. A União de Sindicatos de Viana do Castelo já está a acompanhar este caso. Branco Viana diz que o despedimento colectivo não cumpriu as regras, e como tal classifica-o como um “despedimento ilegal ou até mesmo selvagem”.

 
A União de Sindicatos de Viana do Castelo diz que este é um caso em que poderá haver matéria para investigação por parta das autoridades que tutelam o trabalho. A isto acrescenta que, nos próximos dias poderão ocorrer no distrito situações idênticas a esta, havendo já vários casos sinalizados.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts