FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 20 Out 2010

Portagens: CDS acusa Câmara de Viana de ter tido uma actuação “frouxa”

O presidente da concelhia do CDS-PP de Viana do Castelo diz que a Câmara Municipal tratou o processo de introdução de portagens na A28 de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O presidente da concelhia do CDS-PP de Viana do Castelo diz que a Câmara Municipal tratou o processo de introdução de portagens na A28 de uma forma “frouxa”. Aristides Sousa diz que este foi um processo “atabalhoado”, que desrespeitou tudo e todos e que está a provocar diversos problemas, nomeadamente na circulação na Estrada Nacional 13. Por isso acusa a autarquia de não ter diligenciado para que fossem assegurados todos os procedimentos para que não acontecesse o caos no pagamento das portagens. Como tal, entende que a Câmara de Viana deveria ter acautelado algumas situações que, neste momento, provocam a indignação não só da população local, mas também dos próprios vizinhos galegos.

 
Aristides Sousa lamenta ainda que o presidente da CIM não tenha tido uma “atitude mais assertiva” sobre esta matéria. A isto acrescenta que a Câmara de Viana “meios e instrumentos para fazer valer a sua posição”, nomeadamente no que toca à eliminação do primeiro pórtico da A28. O responsável pelo CDS-PP considera que pagar 75 cêntimos para circular dentro do próprio concelho de Viana “não é nada mais do que um roubo e um assalto ao bolso das populações”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts