FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 17 Nov 2010

Greve de fome: Pescador acusa Polícia Marítima de Viana de perseguição injustificada

Um pescador acusa a Polícia Marítima de Viana do Castelo de perseguição injustificada. José Salvador Soares, de 49 anos, entrou esta quarta-feira em greve de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Um pescador acusa a Polícia Marítima de Viana do Castelo de perseguição injustificada. José Salvador Soares, de 49 anos, entrou esta quarta-feira em greve de fome em protesto contra aquilo que diz ser uma “perseguição” por parte de um agente da polícia marítima. O pescador diz que esta perseguição começou em Agosto de 2008, por causa de um estacionamento indevido que fez na Praia dos Ingleses. José Salvador diz que o parque estava cheio e que estacionou de forma incorrecta numa zona de dunas. A multa foi de cerca de 500 euros. Acusa o agente em questão de lhe ter falado de forma arrogante e diz que, dos 53 carros que se encontravam no local, o seu foi, muito provavelmente, o único a ser multado.

 
Mais tarde, José Salvador diz que o mesmo agente o acusou de estar a pescar de noite com as luzes do barco desligadas, acusação que diz ser mentira. Revoltado, o pescador começou esta quarta-feira uma greve de fome em frente à Capitania de Viana. Diz que vai levar a greve até às últimas consequências para alertar para este tipo de situações. José Salvador apenas quer que a acusação seja alvo de uma investigação aprofundada, para que a verdade seja reposta.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts