FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Categoria

06 Dez 2010

Acta de vistoria de fronteira reforça relações entre Monção e municípios espanhóis

Pedro Xavier

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
Autarcas de Monção e dos municípios espanhóis As Neves e Arbo assinaram a acta de vistoria de fronteira entre Portugal e Espanha. José Emílio Moreira, […]

Autarcas de Monção e dos municípios espanhóis As Neves e Arbo assinaram a acta de vistoria de fronteira entre Portugal e Espanha. José Emílio Moreira, presidente da Câmara Municipal de Monção, reuniu com os congéneres galegos dos municípios As neves e Arbo para assinar a acta de vistoria de fronteira entre os dois países. A cerimónia trata-se de uma formalidade prevista nos termos do Artigo 25º do Tratado de Limites entre Portugal e Espanha, de 29 de Setembro de 1864, quando foi reconhecida a linha fluvial do rio Minho que serve de fronteira entre os dois países. No documento consta que não se verificou qualquer alteração no percurso do referido curso de água.

 
O presidente da Câmara de Monção confirma que a fronteira continua no mesmo sítio. Mesmo sem mudanças, o autarca descobriu apenas este que Monção faz fronteira com o município galego de Arbo. Para José Emílio Moreira, a assinatura da acta de vistoria é uma forma de reforçar as relações entre os municípios dos dois países. Sem qualquer problema ao nível da divisão territorial, os autarcas alertaram para a valorização ambiental do rio Minho, rejeitando qualquer intenção, como aconteceu há alguns anos, de construção de barragens naquele troço de água internacional.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal