FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 23 Dez 2010

Ministro da Justiça participou no Auto de Consignação das obras do Tribunal de Trabalho de Viana

O Ministro da Justiça, Alberto Martins, veio a Viana do Castelo participar no auto de consignação das obras do futuro Tribunal de Trabalho da cidade. […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Ministro da Justiça, Alberto Martins, veio a Viana do Castelo participar no auto de consignação das obras do futuro Tribunal de Trabalho da cidade. Recorde-se que o Tribunal do Trabalho de Viana do Castelo vai ser transferido para um edifício municipal construído na Praça da Liberdade e desenhado pelo arquitecto Fernando Távora. A empreitada, orçada em mais de 1 milhão de euros, deve estar concluída em Setembro ou Outubro do próximo ano.

 
Foram necessários oito meses para o concurso que escolheu a empresa que vai executar a obra, já que foram 40 as candidatas. Alberto Martins diz que este é um momento especial pois resolve um problema “complexo” que se “arrastava há muito tempo” na cidade. Admite que as condições do actual Tribunal de Trabalho de Viana estão “muito longe do mínimo exigível”. Diz ainda que o novo edifício vai ser de “qualidade, num espaço de qualidade”. O Ministro da Justiça diz que tentou resolver a questão com toda a rapidez e mostra-se satisfeito com o desfecho. José Maria Costa, presidente da Câmara de Viana do Castelo, diz que o início das obras é uma “prenda de Natal” para a cidade. O autarca destaca a centralidade do novo Tribunal de Trabalho.  A empresa tem 300 dias para concluir a obra. Em Setembro ou Outubro do próximo ano o novo Tribunal de Trabalho de Viana deve estar pronto a abrir portas. O edifício vai ainda acolher a nova valência do Tribunal de Família e Menores de Viana do Castelo.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts