Tradição: Café de Viana oferece comida e bebida de borla para todos | Rádio Geice
FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Categoria

01 Jan 2011

Tradição: Café de Viana oferece comida e bebida de borla para todos

Pedro Xavier

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
O Café do Repouso, em Chafé, Viana do Castelo, cumpre hoje uma tradição de Ano Novo, que começou precisamente há 30 anos, disponibilizando comida e […]

O Café do Repouso, em Chafé, Viana do Castelo, cumpre hoje uma tradição de Ano Novo, que começou precisamente há 30 anos, disponibilizando comida e bebida de borla para todos, sejam ou não clientes da casa. “Quem aqui entrar, come e bebe o que quiser e não paga nada”, referiu, o proprietário. Miguel Lima garante que, no dia das borlas, o café conhece um movimento pouco comum, com “clientes” que chegam de Braga, de Barcelos e de outras localidades “de muito longe” que nunca ali são vistos nos restantes dias do ano.

“Eu nunca os vi aqui mas o que é que lhes vou fazer? Não os vou pôr fora da porta. Se é para comer, é para comer”, acrescenta, com boa disposição.Miguel Sampaio Lima alimenta esta tradição desde 1981, quando, “por mera brincadeira”, decidiu não cobrar nada aos clientes que foram ao seu estabelecimento no primeiro dia do ano.A moda pegou e hoje já virou tradição, sendo cada vez mais o número de pessoas que cumpre o ritual do dia 1 de janeiro no Café do Repouso.“O ano passado, estiveram aqui, seguramente, umas 200 a 300 pessoas”, atira Miguel Lima.Este ano, os “borlistas” terão ao seu dispor moelas, orelheira, bolinhos de bacalhau, salgados, rojões, chouriço, camarão, “um bocadito” de leitão e de cabrito e, para regar, “uma pomada caseira”.Para animar a festa, haverá ainda uma sessão de karaoke.“Se a crise não entrou aqui? Entrou, mas não se olha, temos de ultrapassar. Vamos superar e temos de aguentar. Não vamos fechar a porta por haver a crise”, afirma ainda, com o otimismo que lhe é peculiar.Por isso, com crise ou sem crise, garante que a tradição é para continuar, até porque 1 de janeiro é uma data muito especial para Miguel Lima: foi nesse dia que casou, faz sábado precisamente 37 anos.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal