FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 18 Fev 2011

Alto Minho: CIM vai avançar com projecto pioneiro de gestão florestal

  A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho poderá vir a desempenhar um papel pioneiro, a nível nacional, no que toca à gestão florestal. A Comunidade […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

 
A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho poderá vir a desempenhar um papel pioneiro, a nível nacional, no que toca à gestão florestal. A Comunidade Intermunicipal apresentou à Secretaria de Estado das Florestas um documento no qual propõe a descentralização de competências em matéria de gestão da floresta para a CIM e as dez autarquias que a integram.

 
De acordo com o presidente da Comunidade Intermunicipal, Rui Solheiro, a intenção passa por aplicar políticas de proximidade com vista a gerir mais eficazmente a floresta e os seus recursos. O Secretário de Estado das florestas gostou da proposta, que se torna particularmente interessante em pleno Ano Internacional da Floresta. Daí ter anunciado a criação de um Grupo de Trabalho que vai precisamente avaliar a integração legislativa desta proposta. Um trabalho que, de acordo com Rui Barreiro,  deverá já estar concluído em Maio. De acordo com Rui Barreiro, este projecto visa proporcionar uma “intervenção mais activa dos municípios na gestão da floresta do seu território” e que não se limite apenas à ajuda no combate aos fogos florestais, dotando os municípios de mais competências e maior capacidade de intervenção na gestão florestal. Refira-se que dois terços do Alto Minho é composto por floresta e que, só no último verão, 20% dessa área foi devorada pelas chamas.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts