FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 04 Fev 2011

Vereador do PSD propõe venda de terrenos para cobrir buraco do Coliseu

António Amaral, vereador do PSD na Câmara de Viana do Castelo propõe, “ a venda dos terrenos do Parque da cidade, avaliados entre 10 a […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

António Amaral, vereador do PSD na Câmara de Viana do Castelo propõe, “ a venda dos terrenos do Parque da cidade, avaliados entre 10 a 12 milhões de euros”, para cobrir o “buraco” da construção do coliseu de Viana, que viu esta sexta-feira a suspensão das obras, por falta de dinheiro do município.

Os vereadores da oposição, à maioria PS da Câmara de Viana do Castelo desde o inicio que se opuseram á obra, esta posição fincou-se ainda mais, com a falta de candidaturas para cobrir o investimento. Carvalho Martins, também vereador do PSD, e que durante as últimas autárquicas foi candidato, sempre defendeu tratar-se de um erro avançar com a obra sem financiamento garantido, além da preocupação com as “enormes” despesas de funcionamento. A suspensão da obra do coliseu foi anunciada esta sexta-feira, por já ter sido esgotado o empréstimo de 4,7 milhões de euros contraído para o efeito e pela falta de candidaturas para financiamento. Segundo José Maria Costa, presidente da autarquia, a taxa de execução financeira da obra já ultrapassou os seis milhões de euros. O autarca lembra que ainda faltam seis milhões de euros para concluir o Coliseu, mais um milhão para os arranjos exteriores, “um esforço financeiro que a Câmara não está em condições de assumir”.Carvalho Martins acusou o anterior Executivo, liderado por Defensor Moura e que também integrava José Maria Costa, de “total irresponsabilidade”, por ter lançado uma obra “desta envergadura sem ter o financiamento previamente assegurado”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts