FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 05 Jun 2011

Legislativas: Onda laranja “varre” o distrito de Viana do Castelo

    O Alto Minho mostrou um “cartão vermelho” à governação socialista, expresso na votação nas eleições deste Domingo. No distrito de Viana do Castelo o PSD […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

 
 
O Alto Minho mostrou um “cartão vermelho” à governação socialista, expresso na votação nas eleições deste Domingo. No distrito de Viana do Castelo o PSD saiu como o grande vencedor da noite, tendo ganho em todos os concelhos e retirado um deputado ao Partido Socialista. No total, o PSD conseguiu arrecadar 43,59% dos votos, contra os 26,18% do PS. Carlos Abreu Amorim, o cabeça de lista do PSD, diz que os resultados de ontem representam “o fim do pesadelo da má governação socialista”. Por seu turno, o grande derrotado destas Eleições, o socialista Fernando Medina, admite a derrota e garante que vai representar os interesses do Alto Minho no Parlamento.

O CDS foi a terceira força mais votada, com 13,44% dos votos, tendo no entanto perdido cerca de mil votos no distrito. Um resultado que não deixou Abel Baptista satisfeito, isto apesar de ter assegurado o lugar de deputado que o CDS já detinha no distrito. Em tendência ascendente esteve a CDU que, apesar de não ter conseguido eleger Ilda Figueiredo, ultrapassou o Bloco de Esquerda com 4,93% dos votos. O Bloco de Esquerda teve 4,39% dos votos dos eleitores do Alto Minho. Contados os votos o PSD elege 3 deputados: Carlos Abreu Amorim, Eduardo Teixeira e Rosa Maria Arezes. O PS passa de 3 para dois deputados: Fernando Medina e Jorge Fão. O CDS mantém o deputado que já detinha, Abel Baptista.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts