FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 23 Jun 2011

Viana: Trabalhadores dos Estaleiros Navais sentem-se enganados e preocupados com o futuro

No dia em que a Comissão de Trabalhadores dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo anunciou uma manifestação de funcionários e ex-funcionários para dia 29 […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No dia em que a Comissão de Trabalhadores dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo anunciou uma manifestação de funcionários e ex-funcionários para dia 29 de Junho, alguns trabalhadores mostraram-se muito preocupados em relação ao futuro.

 
Às portas da empresa, depois de um dia de trabalho, Palmira Silva, empregada do refeitório dos Estaleiros vianenses há 34 anos, mostrou-se insatisfeita com a anunciada dispensa de 380 trabalhadores. A funcionária diz que “esbanjaram” dinheiro e que agora “o trabalhador é que paga”. Aos 61 anos, a funcionária mostra-se preocupada com o futuro dos trabalhadores mais jovens. Miguel Araújo trabalha nos Estaleiros há 9 anos e sente-se enganado com toda esta situação. Diz mesmo que este é um momento “horrível”. Recorde-se que António Barbosa, coordenador da Comissão de Trabalhadores dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, anunciou uma manifestação para o dia 29 de Junho. Mais de 650 trabalhadores decidiram a realização da medida de protesto. Os funcionários dizem ainda ter “esperança” no futuro e pedem o abandono do plano de reestruturação que define a dispensa de mais de metade dos funcionários dos ENVC.
 
Imagem: Olhar Viana do Castelo

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts