FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 23 Jan 2015

Ponte de Lima apresentou as iniciativas “Prove Alto Minho” e “Chaves Alto Minho”

Foram já apresentadas, ao setor da hotelaria e restauração de Ponte de Lima, as iniciativas “Prove Alto Minho” e “Chaves Alto Minho” no âmbito do […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Foram já apresentadas, ao setor da hotelaria e restauração de Ponte de Lima, as iniciativas “Prove Alto Minho” e “Chaves Alto Minho” no âmbito do projeto “Alto Minho Invest”, promovido pela CIM – Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, com o financiamento do ON.2, em parceria com a APHORT – Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo e o Município de Ponte de Lima. A iniciativa “PROVE ALTO MINHO” visa encontrar uma nova receita, um «novo prato», que seja um novo símbolo e complemente e reforce a oferta gastronómica local e que, como tal, seja apresentado aos turistas, nacionais e estrangeiros e que será incluído nas cartas dos restaurantes aderentes. Para tal, será constituído um grupo de trabalho que integrará empresários da restauração, Chefs e cozinheiros locais, um representante do Município e da CIM. A próxima reunião para a constituição do grupo de trabalho será no dia 28 de janeiro, as 15h20, na Clara Penha – Casa dos Sabores.“CHAVES ALTO MINHO” é um programa de educação para o turismo que tem como objetivo geral melhorar a qualidade do serviço turístico, no domínio do atendimento e da informação. Os destinatários desta iniciativa são: 1) Rececionistas dos estabelecimentos hoteleiros, TER/TH, e outros empregados que contactam com os clientes; Responsáveis dos estabelecimentos de restauração e empregados que contactam os clientes; 3) Outras entidades que contactam regularmente com turistas (por exemplo, empregados de comércio, sobretudo de lojas com artigos para turistas, e taxistas, etc.). Este programa desenvolver-se-á em 4 sessões, sendo a primeira já no próximo dia 22 de janeiro. A participação em cada uma das iniciativas é limitada e terá de ser feita mediante inscrição prévia.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts