FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 11 Fev 2015

Respostas surpreendente da SOS Vespa: “Após validação do seu registo, verificamos que o ninho observado não pertence à espécie Vespa Velutina”

Há dias a Geice deu conta do alerta de um habitante de Argela, em Caminha, que detetou um ninho de vespa asiática ativo, num castanheiro, […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Há dias a Geice deu conta do alerta de um habitante de Argela, em Caminha, que detetou um ninho de vespa asiática ativo, num castanheiro, próximo de habitações. Carlos Mouteira tinha contactado as entidades competentes mas, em mais de 15 dias, a resposta não chegou. Mas chegou agora e foi surpreendente. “Após validação do seu registo, verificamos que o ninho observado não pertence à espécie Vespa Velutina”, diz a plataforma SOS Vespa. Carlos Mouteira garante ter ficado pasmado com a resposta, até porque imagem enviada é clara e a opinião dos apicultores também. Recorde-se que a plataforma SOS Vespa “visa apoiar a identificação e o controlo da vespa velutina em Portugal. Através da georreferenciação dos ninhos desta praga, este WEBSIG contribui para a comunicação entre os técnicos da Proteção Civil Municipal, a população e a Administração, bem como para a tomada de decisão”. Neste caso o veredicto foi: “não é um ninho de vespa velutina”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts