FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 09 Fev 2015

 Viana do Castelo assinala Dia Mundial da Epilepsia

A Liga Portuguesa Contra a Epilepsia assinala esta segunda-feira o Dia Mundial da Epilepsia com um conjunto de ações de sensibilização e informação junto da […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Liga Portuguesa Contra a Epilepsia assinala esta segunda-feira o Dia Mundial da Epilepsia com um conjunto de ações de sensibilização e informação junto da população, que decorrerão em Lisboa, Porto, Coimbra, Évora, Viana do Castelo, Viseu e Vila Real, estendendo-se ainda à Madeira e aos Açores. Sob o lema “Epilepsia é mais do que ter crises”, a campanha tem como objetivo alertar e sensibilizar a sociedade e os governos para as questões de quem vive com epilepsia, doença que afecta entre 50 a 60 mil portugueses e cerca de seis milhões de pessoas na Europa. Segundo dados oficiais, aproximadamente um terço das pessoas com epilepsia não respondem aos medicamentos existentes, sendo que a taxa de mortalidade é superior à da população em geral. A possibilidade de morte súbita, por exemplo, aumenta vinte vezes em quem padece de epilepsia. Para além das questões médicas e das terapêuticas associadas, a epilepsia acarreta ainda alguns estigmas de índole social, que esta campanha pretende desmistificar, desde logo porque existe vida para além das crises. Estima-se que em Portugal existam cerca de 60 mil pessoas com epilepsia, sendo que a cada ano surgem 50 novos doentes por cada 100 mil pessoas. Trata-se de uma doença que pode surgir em qualquer grupo etário ou estrato social, atingindo os dois sexos de igual forma. No entanto, existem dois picos com maior incidência, a infância e a terceira idade. Em Viana do Castelo a iniciativa “Epilepsia é mais do que ter crises” vai decorrer no Hospital de Santa Luzia.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts