FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 31 Mar 2015

Primeiro Gin Tinto do mundo é produzido em Valença e já começou a despertar interesse internacional

Começou esta terça-feira a ser distribuído para o mercado nacional o Tinto Red Gin Premium, o primeiro gin tinto do mundo, produzido por uma empresa […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Começou esta terça-feira a ser distribuído para o mercado nacional o Tinto Red Gin Premium, o primeiro gin tinto do mundo, produzido por uma empresa de Valença. João Guterres, responsável pela produção deste gin tinto, explicou à Geice que começaram por produzir 5.000 garrafas e, em poucas horas, já tem quase tudo vendido.
Cada garrafa tem um custo de 29.80 euros e as expetativas são elevadas, sendo que o empresário já tem ingredientes em maceração para poder produzir mais cinco mil litros da bebida. Revelou ainda que 600 das primeiras 5.000 garrafas seguem para Angola. O responsável disse que também já recebeu contactos da Bélgica, da Holanda e também do Luxemburgo.
João Guterres tem 63 anos de idade e está ligado ao sector há cinco décadas. O empresário explica que a ideia do Gin tinto surgiu há cerca de ano e meio, quando estava a fazer experiências para uma outra bebida. Foi durante esta pesquisa que o empresário percebeu que tinha “bases muito boas” para criar o primeiro gin tinto do mundo, numa bebida “floral” e que promete cativar.
O Gin Tinto “made in Valença” tem 14 ingredientes, com destaque para o aneto, loureiro, nevêda, folha de Salgueiro, flor de sabugueiro, ervas de São Roberto, erva cidreira, Lúcia Lima, folha de eucalipto, o alecrim, alfazema, e o cítrico da casca da laranja verde, papoilas e amoras silvestres e perico, um fruto típico de Valença. João Guterres garante que é um gin diferente e muito mais afrutado, pelo que apaixonará até aqueles que não são fãs da bebida.
A nova bebida está a ser criada nas instalações de uma empresa de Valença, licenciada para a produção de vinho.
 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts