FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 26 Mar 2015

Viana: Ministro Pedro Mota Soares inaugura Centro de Dia do Centro Social e Cultural de Carreço

Pedro Mota Soares, Ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, inaugura esta sexta-feira o Centro de Dia do Centro Social e Cultural de Carreço, Instituição […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Pedro Mota Soares, Ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, inaugura esta sexta-feira o Centro de Dia do Centro Social e Cultural de Carreço, Instituição Particular de Solidariedade Social daquela freguesia vianense. A inauguração desta valência social acontece às 17 horas de sexta-feira, na Rua Abel Viana, nº 24.
O Centro Social e Cultural de Carreço é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) que disponibiliza a todos os associados as respostas sociais de Centro de Convívio, Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário, Atividades de Tempos Livres, Creche, Cantina Social e Gabinete de Atendimento à Pessoa portadora de Alzheimer e outras demências.
A associação foi fundada em 1994 pelo atual Presidente da Direção, Joaquim Viana da Rocha, juntamente com 22 sócios desta Freguesia, contando atualmente com cerca de 650 associados.
Numa fase inicial o Centro Social começou por funcionar numas instalações contíguas ao posto médico, cedidas na altura pela Junta de Freguesia de Carreço, com cerca de 15 utentes apoiados ao nível do Serviço de Apoio Domiciliário. Contudo, com o aumento de solicitações para apoios tanto na alimentação, como cuidados de higiene pessoal e habitacional, as instalações tornaram-se pequenas para tanta procura.
Aproveitando o edifício centenário da antiga estação Férrea da REFER, o Centro Social e Cultural de Carreço conseguiu alcançar mais um desafio, remodelando e ajustando estas instalações, criando assim uma nova resposta social – o Centro de Convívio de Carreço -, mantendo o Serviço de Apoio Domiciliário e alargando para 30 o número de Acordo de Cooperação. Em 2000, a Direção formalizou mais um Acordo de Cooperação para a resposta social de Atividades dos Tempos Livres para 35 crianças. Passado 19 anos, este edifício tornou-se limitado face ao aumento de pedidos e ao alargamento do número de valências disponíveis.
A Direção da Associação conseguiu adquirir uma casa para reconstrução e ampliação, e um terreno para a construção de raiz, de dois novos equipamentos sociais. Em 2013, o Centro Social e Cultural de Carreço passou a beneficiar de novas respostas sociais, o Centro de Dia para 40 utentes e ampliação do Serviço de Apoio Domiciliário para 50 utentes, e uma Creche para 42 crianças. Estes novos equipamentos sociais surgem como consequência da formalização de duas novas candidaturas a fundos devidamente aprovadas pelas entidades competentes. Uma das candidaturas foi ao programa de financiamento do Eixo Prioritário III da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Norte, em relação à valência Creche, e a outra candidatura foi feita ao PRODER pela ADRIL no âmbito da medida Melhoria da qualidade de vida/ Ação de Serviços Básicos para a População Rural, destinado às valências de Serviço de Apoio Domiciliário e Centro de Dia.
O Centro de Dia que vai ser oficialmente inaugurado pelo ministro Mota Soares desenvolve atividades que visam contribuir para a reabilitação ou retardamento das consequências nefastas do envelhecimento, prestar apoio psicossocial e fomentar relações interpessoais e intergeracionais. Atualmente, o Centro Social e Cultural de Carreço apoia 32 pessoas nesta resposta social.
 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts