FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 26 Abr 2015

Contadores inteligentes de Viana do Castelo destacaram-se em conferência internacional

Os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana Castelo participaram na Conferência Internacional Cidades Analíticas com uma apresentação sobre “ O papel dos contadores inteligentes”. […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana Castelo participaram na Conferência Internacional Cidades Analíticas com uma apresentação sobre “ O papel dos contadores inteligentes”. Isto porque, com o trabalho desenvolvido, Viana do Castelo tem já mais de dez mil contadores instalados, permitindo poupanças e reduções de água substanciais. A conferência, que tinha como objetivos a difusão do conhecimento sobre a temática da analítica urbana, o aumento da visibilidade internacional desta iniciativa, a promoção de parcerias institucionais e profissionais a longo prazo, a promoção do diálogo e da troca de experiências entre instituições e profissionais e o fortalecimento da cooperação entre Portugal e os países, particularmente, no âmbito das políticas urbanas, integrou diversas intervenções sobre projetos diversos internacionais e nacionais. Para Vítor Lemos, o responsável pelos SMSBVC, é honroso este reconhecimento do trabalho que está a ser feito em Viana do Castelo em prol da melhoria dos serviços para os cidadãos e empresas. No caso nacional, foi apresentado pelo coordenador do Gabinete de Inovação e Tecnologia dos Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo o projeto dos contadores inteligentes que está a ser implementado no concelho de Viana do Castelo. Na sua apresentação, referiu que a cobertura atinge já os 26 por cento, com 4486 instalações de rádio fixo e 6026 instalações de rádio móvel. Em breve, este sistema de telemetria/telegestão, irão aumentar o número de contadores, atingindo uma cobertura de 30 por cento dos clientes dos SMSBVC. Este investimento na telemetria, que permite o registo de 39 milhões de dados anuais, tem vindo a permitir a redução de perdas de água, tendo sido dado o exemplo do caso da Amorosa onde, desde 2012, se verificou uma redução de 20 por cento nas perdas, sendo agora de cinco por cento. De lembrar ainda que, recentemente, os SMSBVC criaram um novo serviço destinado às empresas do concelho, instaladas nos parques empresariais. Trata-se da disponibilização dos consumos de água através da telemetria para uma gestão mais eficiente dos consumos de água das empresas.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts