FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 16 Jun 2015

Surf Clube Viana: Atividades outdoor de qualidade unem várias gerações no Cabedelo

O Surf Clube Viana, entidade gestora do Centro de Alto Rendimento de Surf, entre o seu vasto currículo, mantém uma aposta na organização de provas […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Surf Clube Viana, entidade gestora do Centro de Alto Rendimento de Surf, entre o seu vasto currículo, mantém uma aposta na organização de provas de renome nacional e internacional e numa divulgação direcionada aos palcos internacionais, continuando, em simultâneo, a valorizar a realização de iniciativas locais e abertas à comunidade, as quais tem vindo a reforçar em termos de temática, de público e do aumento da rede de parcerias.
Para João Zamith, presidente do Surf Clube Viana, membro do Comité Executivo Europeu da Rede Europeia dos Desportos Outdoor (European Networking of Outdoor Sports – ENOS), esta festa no Cabedelo, por ter a assinatura organizativa e o apoio de um vasto conjunto de entidades locais, conseguiu ter maior visibilidade bem como atingir melhores resultados em prol da sensibilização para hábitos de vida saudável ao ar livre, uma vez que “todas as atividades desenvolvidas são amigas do ambiente, sejam de cariz mais desportivo ou meramente lúdicas, é um evento intergeracional e aberto a toda a família”, e em prol de causas sociais.
Entende que “o CAR Surf, além da sua vocação para o alto nível e o alto rendimento, pode, devido à sua localização privilegiada e às suas excelentes condições, ter um importante papel no desenvolvimento do desporto outdoor e no apoio aos seus praticantes”.
Também segundo Vítor Dinis, Presidente da Associação de Moradores do Cabedelo, este evento voltou a atingir todos os seus objetivos: “promover o desporto, sobretudo na sua vertente lúdica, divulgar e promover a utilização dos espaços nobres do Cabedelo, como o seu pinhal e o mar, promover as infraestruturas existentes, como o CAR Surf e toda a sua área envolvente, a cooperação com outras entidades locais e o envolvimento geral da comunidade”.

Atividades ao ar livre valorizam os recursos do Cabedelo
O atleta vianense de renome nacional e internacional Miguel Ribeiro esteve em grande destaque ao sagrar-se vencedor das 8 milhas, que tal como a caminhada teve por palco a baía do Cabedelo, entre a praia e a mata atlântica.
O ultramaratonista Carlos Sá, acompanhado pela família, também participou neste evento. Explica que o que mais o motivou foi o seu cariz social e considera que “a organização está de parabéns por ter conseguido realizar um evento para todos”.
Para Carlos Sá, que recentemente também concretizou o evento solidário Peneda-Gerês Trail Adventure, “o facto de nesta ação no Cabedelo serem várias as entidades em rede a trabalharem para o mesmo fim é muito positivo pois também amplia os resultados alcançados”.
À semelhança do ano passado, foram várias as atividades paralelas que integraram o programa. A Limpeza de Plantas Invasoras, em colaboração com o Parte de Nós (Fundação EDP) e o Grupo Paínhas, foi uma delas.
Jorge Mayer, da Fundação EDP, considera que esta atividade teve um balanço muito positivo, pois o seu principal objetivo não se focava apenas na limpeza de plantas invasoras na praia, mas também em sensibilizar e mostrar aos participantes o que a entidade faz em prol do ambiente.
Entende que esta edição já colheu frutos do trabalho de sensibilização levado a cabo no ano anterior “traduzindo-se numa maior participação e na eliminação de uma maior quantidade de espécies”.
“Pelo facto de existirem multiparcerias e um programa diversificado conduz a um aumento do capital cívico, pois a mobilização foi muito grande, e potencia o crescimento deste tipo de ação, uma vez que as várias entidades participantes já são detentoras de ferramentas que lhes permitem desenvolver outras ações de sensibilização ambiental”, refere.
Destaque também para o Peddy Paper destinado a equipas com crianças e adultos, organizado pela Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola EB1/JI Cabedelo.
Para Catarina Gonçalves, membro desta associação, os objetivos estabelecidos, a curto prazo, para o evento foram atingidos, “pois tanto as crianças adoraram como os pais se divertiram muito”. Outro dos objetivos prendia-se com a divulgação da própria escola, que segundo esta encarregada de educação, apenas poderá ser avaliado a longo prazo.
Esta edição voltou a contar com o Surfing Viana Open Day, dia aberto na escola de surf do SCV, que visa sobretudo proporcionar uma experiência de surf de forma gratuita e abrir o clube à comunidade local. Registou a participação de várias dezenas de jovens, tendo sido para muitos o seu primeiro contacto com a modalidade.
A edição deste ano também reforçou a sua vertente social, apoiando três causas: o Banco Alimentar de Viana, para o qual a organização angariou, sobretudo através do contributo dos participantes, 208,75 kg de bens alimentares; a Associação Mobilitas, ajudando na melhoria de vida de pessoas com mobilidade reduzida; e o Parte de Nós, iniciativa de responsabilidade social do grupo EDP, concretizada através da Fundação EDP e do seu Programa de Voluntariado Corporativo e que tenta sensibilizar para a importância de proteger a biodiversidade e para questões como o controlo de espécies invasoras e limpeza das praias.
A organização, neste dia que contou com porco no espeto para o almoço de confraternização, ainda homenageou cinco personalidades com ligações à localidade. Entre estas, os ilustres fundadores da Associação de Moradores do Cabedelo, José Vieira, José Moreira, Rocha Neves e Gilberto Puga, e ainda Flora Silva também moradora no Cabedelo, atual Presidente da Assembleia Municipal e peça-chave no processo de instalação do CAR Surf.
A organização agradece o apoio da Fundação EDP, Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, Câmara Municipal de Viana do Castelo, Capitania do Porto de Viana do Castelo, Instituto Socorros a Náufragos, Junta de Freguesia de Darque, ao Agrupamento de Escuteiros de Darque, Junta de Freguesia de V.N. Anha, Paínhas S.A. e a todos os patrocinadores.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts