FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 19 Jul 2015

BICMINHO e Telefónica apoiam ideias de negócio do setor TIC

A segunda convocatória do Galicia Open Future já encerrou e o BICMINHO, enquanto parceiro português desta iniciativa, apoiou a candidatura das empresas TIC nacionais. O Open Future […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A segunda convocatória do Galicia Open Future já encerrou e o BICMINHO, enquanto parceiro português desta iniciativa, apoiou a candidatura das empresas TIC nacionais. O Open Future é uma rede global de empreendedorismo e investimento da Telefónica, dentro da qual se insere a iniciativa Galicia Open Future, que tem como objetivo disponibilizar as ferramentas e serviços necessários para que os projetos, independentemente da sua fase de desenvolvimento, alcancem o êxito. Eram 50 vagas disponíveis e começa agora a fase de avaliação e seleção dos projetos. Um painel de especialistas avaliará todos os projetos em função do seu grau de inovação, potencial de mercado, maturidade do produto e viabilidade comercial, assim como a sua entrada nos setores estratégicos da Galiza e a composição multidisciplinar da equipa. O processo de aceleração irá decorrer ao longo de 6 meses e durante este período as startups receberão, da mão dos profissionais de distintas áreas, o apoio e incentivo necessários para que cresçam e tenham melhores probabilidades de êxito no mercado. Apps, sistemas de computação, sites de moda, intercâmbio de bitcoins, localização em espaços interiores, sistemas inovadores para depuração de águas ou monitorização de vinhedos são apenas alguns exemplos de empresas da última edição, que mostram o grande leque de projetos que podem fazer parte da iniciativa. O programa, uma parceria da Telefónica e da Xunta de Galicia, a que se aliou nesta edição o BICMINHO, irá oferecer aos 50 projetos selecionados seis meses de aceleração e uma ajuda inicial de 2.000 euros, atribuída pela Axencia Galega de Innovación. Posteriormente, as startups poderão ainda candidatar-se a uma das três vagas disponíveis para um apoio adicional de 25.000 euros, também da Axencia Galega de Innovación, e ao acesso a um empréstimo reembolsável de 25.000 euros, este último através do XesGalicia.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts