FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 08 Jul 2015

UMinho cria plataforma de consultas de luto online

Investigadores das universidades do Minho e de Memphis lançaram recentemente uma plataforma de consultas online para o luto. O objetivo é ajudar pessoas com histórias […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Investigadores das universidades do Minho e de Memphis lançaram recentemente uma plataforma de consultas online para o luto. O objetivo é ajudar pessoas com histórias de luto prolongadas e desadaptativas, disponibilizando gratuitamente um serviço de apoio psicológico especializado via videochamada e email. As marcações podem ser feitas em www.consultaluto.com. O desenvolvimento deste projeto é da responsabilidade de Daniela Alves, Miguel Gonçalves (Escola de Psicologia da UMinho) e Robert Neimeyer (Universidade de Memphis), um dos mais conceituados especialistas na área do luto, conhecido por ter apoiado familiares de vítimas dos atentados terroristas nos EUA. “Pretende-se dinamizar a terapia de luto online em Portugal, aproximando terapeutas e adultos com enormes dificuldades em reconstruir a sua vida após a perda de um ou mais entes queridos, sem custos associados e necessidade de deslocação”, explica Daniela Alves, investigadora de pós-doutoramento da UMinho. O tratamento inclui 12 consultas, com duração média de 55 minutos, conduzidas por investigadores da Escola de Psicologia da UMinho formados em Terapia Construtivista do Luto. Este programa de intervenção online distingue-se por assentar em pressupostos do Modelo de Reconstrução de Significados, concebido por Robert Neimeyer. Além disso, intervém junto dos pacientes recorrendo às novas tecnologias de informação. “Importa salientar o acompanhamento e o envolvimento constantes dos profissionais durante o processo psicoterapêutico como um dos requisitos centrais do projeto, divergindo, assim, de outros programas online, cuja participação do terapeuta é minimal ou inexistente”, realça a investigadora. A elaboração desta plataforma de apoio psicológico vem no seguimento de vários estudos internacionais apontarem para as mais-valias desta modalidade terapêutica em diferentes quadros clínicos, como a depressão profunda. Financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, o projeto conta com a parceria do Instituto Português de Oncologia, da Liga Portuguesa Contra o Cancro e da Sociedade Portuguesa de Estudo e Intervenção no Luto.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts