FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 06 Jul 2015

Viana: Depois de 60 anos com gestão de José Natário, “Café Sport” moderniza-se e passa para os netos

  Depois de mais de seis décadas com liderança de José Natário, esta segunda-feira reabriu as portas o renovado “Café Sport”, junto à Avenida dos […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

 
Depois de mais de seis décadas com liderança de José Natário, esta segunda-feira reabriu as portas o renovado “Café Sport”, junto à Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, em Viana do Castelo. A 8 de abril de 1955, José Natário assumiu a gestão de um dos restaurantes mais antigos no centro histórico da cidade de Viana, um estabelecimento centenário que passou para as suas mãos através de um trespasse concedido pelos donos anteriores, Fernandes & Alves.
Agora, mais de 60 anos depois, chegou a altura de “passar o testemunho” e permitir que dois dos netos fiquem responsáveis pelo “Café Sport”. Pedro e Rui Natário são irmãos e juntaram-se para, com o apoio da família, darem uma nova imagem ao restaurante, tornando-o mais moderno e, ao mesmo tempo, recuperando algumas das tradições mais antigas do espaço.
Assim, numa sala localizada mais ao fundo do “novo” Café Sport, instalaram uma grande mesa de madeira, feita de materiais reciclados, que pretende ser o recuperar dos petiscos ao final da tarde. Também voltaram a incluir no menu o arroz de frango de Cabidela, que será servido, como era anteriormente, ao sábado à noite.
José Natário, fundador do “Café Sport”, diz que fez algumas mudanças ao longo destas seis décadas, mas garante que “gostou mesmo muito” desta transformação do espaço, que foi uma “surpresa” preparada pelos netos.
O restaurante espelha agora o gosto que a família tem pelo desporto. Camisolas de vários clubes de futebol, algumas autografadas, preenchem a parede principal da sala de jantar. Também acessórios de hóquei em patins estão distribuídos um pouco por todo o espaço, destacando a ligação da família à Associação Juventude de Viana, que Rui Natário preside atualmente, e ao Sport Clube Vianense, onde José Natário jogou hóquei em patins, quando era mais jovem.
Rui Natário diz que este “é um negócio de família” criado pelo avô, há sessenta anos. Juntamente com o irmão, tem o objetivo de “ajudar o negócio e rejuvenescer a casa”. A nova decoração, muito ligada ao desporto e ao futebol, “é a essência” de José Natário, reconhece o neto.
Pedro Natário afirma que o novo espaço “mantém no menu aquilo que era bom e que tornou conhecido o Café Sport”, retomando até alguns dos pratos mais afamados e que tinham ficado perdidos no tempo, como o arroz de frango de Cabidela. O “menu executivo”, à hora de almoço, é uma das novidades, bem como uma grande mesa para que os vianenses possam petiscar.
José Natário, de 82 anos de idade, explicou à Geice que assumiu o “Café Sport”, em 1955, para juntar duas das suas paixões, o desporto e a boa cozinha. Era responsável por três estabelecimentos no centro histórico da cidade, tendo agora passado o Café Sport, o espaço mais antigo, para os netos. José Natário recorda que, antes de existir televisão, aos fins-de-semana, o Café Sport ficava “cheio até às bordas” de gente que queria ouvir os relatos desportivos através do rádio. O estabelecimento foi o segundo espaço comercial da cidade de Viana do Castelo a adquirir um televisor, o que fez grande sucesso, na altura. Agora, com nova liderança, espera-se que o restaurante ganhe um novo fôlego.

 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts