FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 02 Set 2015

Mais 200 mil dormidas de estrangeiros no Porto e Norte no primeiro semestre de 2015

De acordo com os últimos dados divulgados pelo INE, a região do Porto e Norte alcançou, de janeiro a junho deste ano, um total de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

De acordo com os últimos dados divulgados pelo INE, a região do Porto e Norte alcançou, de janeiro a junho deste ano, um total de 1.365.900 de dormidas de estrangeiros. Em comparação com os dados do período homólogo de 2014, correspondentes a um total de 1.168.800 dormidas de estrangeiros, o primeiro semestre de 2015 registou um crescimento de aproximadamente 200 mil dormidas, o equivalente a um aumento na ordem dos 17%. Comparando o desempenho do mês de junho, o último mês cujos dados estatísticos estão disponíveis, o indicador relativo às dormidas de estrangeiros na região registou, este ano, um crescimento de cerca de 20% face ao ano passado (traduzido em mais 53.800 dormidas de estrangeiros). Na opinião de Rui Moreira, Presidente da Direção da Associação de Turismo do Porto (ATP), a agência responsável pela promoção e comercialização externas da região do Porto e Norte enquanto destino turístico, “estes números vêm sustentar a estratégia que a ATP está a seguir e que se tem materializado em resultados muito positivos para o destino”.  Durante o primeiro semestre deste ano, a ATP trouxe ao Porto e Norte 139 agentes do setor e 110 jornalistas internacionais provenientes de mercados diversos, aos quais foi dada a oportunidade de conhecer a diversidade e a autenticidade da oferta turística da região e aquilo que a diferencia de outros destinos. No que diz respeito a ações com companhias aéreas aéreas, o destaque vai para a nova base operacional da EasyJet e para a captação de novas rotas aéreas, nomeadamente entre Porto e Istambul, operada pela Turkish Airlines, entre Porto-Dusseldorf, operada pela Germanwings, e entre Porto e Praga, operada pela Czech Airlines. Em relação aos principais mercados que visitam o destino, o ranking top 10mantem-se inalterado, com o pódio a ser ocupado pelo mercado espanhol (que representou uma quota de 23,2% das dormidas internacionais registadas no primeiro semestre de 2015), seguido pelo mercado francês (15,4%) e pelos brasileiros (10%).

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts