FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 24 Set 2015

Serviço de transporte de doentes dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo acaba de ser certificado

O serviço de transporte de doentes da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo acaba de conquistar a certificação, o que representa uma […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O serviço de transporte de doentes da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo acaba de conquistar a certificação, o que representa uma “garantia para a população”, segundo a direção. O vice-presidente da Associação Humanitária considera que a certificação do serviço, que é composto por 32 profissionais e 12 ambulâncias, constitui “uma garantia para a população que servimos de que tem ao dispor um serviço que segue as regras internacionais instituídas para esta atividade”.
“Esta certificação vem atestar a qualidade do serviço que prestamos, sustentado no conhecimento dos nossos profissionais e nas viaturas altamente preparadas que temos”, afirmou José Salgado, em declarações à Geice.
“Para a população, é a certeza de que tem acesso a um serviço que é feito com todos os cuidados, seguindo as regras internacionais instituídas para este tipo de atividade. Representa melhor qualidade, melhor serviço, mais conhecimento e a segurança de que a população está a ser transportada por viaturas altamente limpas e preparadas para a situação que cada uma delas representa”, garante.
A certificação alcançada esta terça-feira, no final da última auditoria ao serviço, rege-se pela norma ISO 9001, um referencial internacional de gestão da qualidade, aplicável a todas as organizações, independentemente da dimensão ou setor de atividade.
O processo de certificação, conduzido pela SGS, uma empresa especializada em serviços internacionais de certificação, começou “há mais de um ano”, explicou José Salgado, realçando que o certificado inclui, entre outras ações, a “formação dos elementos que integram o serviço de emergência, e de transporte de doentes não urgentes”.
 “O auditor garantiu-nos que o serviço está bom, recomenda-se, e está até acima da média do que é exigido para uma certificação deste tipo”, explicou José Salgado. O diploma será entregue à corporação no prazo de 30 dias, sendo esta certificação válida por três anos, embora o serviço seja anualmente alvo de vistorias.
Os Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo existem desde 1881 e contam atualmente com 95 soldados da paz.
 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts