FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 11 Out 2015

Chuva não perturbou abertura oficial do Ano Escutista em Alvarães

   A chuva que teimou em cair este fim-de-semana não conseguiu diminuir a alegria de mais de 1.000 escuteiros que estiveram na freguesia de Alvarães […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

  
A chuva que teimou em cair este fim-de-semana não conseguiu diminuir a alegria de mais de 1.000 escuteiros que estiveram na freguesia de Alvarães para participar na abertura oficial do Ano Escutista.
Eugénio Barreto, chefe do Agrupamento 374 dos Escuteiros de S. Miguel de Alvarães, explicou à Geice que o agrupamento sentiu “orgulho” por poder organizar este evento, referindo que “a nossa ideia, desde o início, foi dar o melhor acolhimento – a nível de infraestruturas -“, pelo que “tudo o que fizemos foi preparado com amor e carinho”. “Sentimos muito orgulho por termos preparado tudo isto para um milhar de escuteiros. O mau tempo não nos separa nem nos tira alegria neste momento”, declarou.

Também o presidente da Junta de Freguesia de Alvarães, Fernando Martins, ficou satisfeito por poder mostrar a localidade a um milhar de escuteiros. “O agrupamento de Alvarães organizou um roteiro turístico que envolveu todo o património que temos à disposição das pessoas”, disse, referindo que o destaque foi para a beleza “dos espaços naturais e arquitetónicos” da freguesia.“É com honra e chieira que digo que o Agrupamento de Escuteiros de Alvarães preparou um programa para mostrar o património da freguesia”, assumiu.

Os escuteiros, vindos um pouco de todo o distrito, puderam visitar alguns espaços reabilitados recentemente pela Junta de Freguesia e pela Câmara Municipal de Viana do Castelo, como a Lagoa da Costeira, e também os fornos de fabrico de telha, “todas as capelas e igrejas da freguesia”, as grandes fábricas associadas à antiga indústria de cerâmica.

Esta foi a primeira vez que a freguesia de Alvarães recebeu a abertura do ano Escutista da região de Viana do Castelo. O encontrou terminou no domingo à tarde, com uma eucaristia presidida pelo bispo da Diocese de Viana do Castelo, D. Anacleto Oliveira.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts