FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 21 Nov 2015

Ana Palhares toma posse e promete “escancarar as portas” do PSD de Viana

Este sábado à tarde, uma unidade hoteleira da cidade de Viana do Castelo acolheu a tomada de posse nos novos órgãos concelhios do PSD de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Este sábado à tarde, uma unidade hoteleira da cidade de Viana do Castelo acolheu a tomada de posse nos novos órgãos concelhios do PSD de Viana do Castelo e, no discurso oficial, a nova presidente Ana Palhares prometeu “escancarar as portas” do partido. “Perseguirei incansáveis uniões e reencontros”, garantiu a nova presidente da concelhia laranja.
“Quero o caminho da verdade, da transparência, da liberdade de opinião”, referiu, prometendo um “novo projeto ético”. Para “credibilizar a política e aproximar os vianenses do PSD”, Ana Palhares pretende “sarar as fraturas” internas. “Temos de fazer tudo o que está ao nosso alcance para que as fraturas não sejam expostas e sejam saradas”, realçou.
 “Viana não é um lugar qualquer, não é vulgar. É a princesa que deslumbra com os seus recursos mas que tem condições e potencial para ser rainha”, vaticinou. “É meu objetivo (…) construir um projeto autárquico que coloque um ponto final nas políticas socialistas a que os vianenses são sujeitos há 22 anos”, declarou, assumindo a reconquista da Câmara de Viana como uma das prioridades do mandato de 2 anos.
Domingos Cachadinha, que foi reeleito presidente da Mesa da Assembleia da concelhia vianense, não poupou elogios a Ana Palhares, referindo que a nova dirigente “subiu na vida a pulso, não precisou de alavancas políticas, subiu sem ajuda”. “É uma grande profissional, uma grande senhora, com um grande coração laranja”, referiu ainda.
Na hora de passar o testemunho, Eduardo Teixeira teceu elogios à equipa que o acompanhou, referindo que visitaram todas as freguesias do concelho, realizando também “50 reuniões concelhias, 27 iniciativas exteriores, tendo até retomado o convívio de Natal e de São Martinho”. “Foram dois anos desafiantes e difíceis”, declarou, dizendo que “conseguimos aproximar ainda mais a sociedade civil do partido”.
Também Carlos Morais Vieira, presidente da distrital do PSD, fez votos “para que o vosso trabalho [da nova direção da concelhia] leve à vitória nas próximas eleições autárquicas”. “Em 2017, faz 24 anos que o PS está na liderança da capital do Alto Minho”, lamentou, referindo que “importa reforçar a nossa presença local”. “Tenho pessoalmente bem claro que quem faz política para servir os interesses das populações, pensando fora das paredes da nossa sede, tem sucesso e vence eleições”, concluiu o responsável.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts