FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 13 Nov 2015

Viana acolhe loja de rua para ajudar todos os que precisam e onde dinheiro não entra

No final deste mês, a cidade de Viana do Castelo vai acolher, pela primeira vez, a iniciativa “The Street Store”, uma loja de rua onde […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No final deste mês, a cidade de Viana do Castelo vai acolher, pela primeira vez, a iniciativa “The Street Store”, uma loja de rua onde o dinheiro não entra. Os 16 utentes do Centro de Acolhimento Temporário (CAT) de uma associação local vão realizar a loja de rua para ajudar pessoas carenciadas.
Nesta loja de rua, quem precisar vai poder levar para casa roupa, sapatos, edredons, livros, entre muito mais. No entanto, o conceito é “dar” ou fazer “troca por troca”, pois não há dinheiro a circular neste evento. Vão estar expostos vários artigos e os interessados podem levar o que precisarem.
Mafalda Ribeiro, diretora da Methamorphys, explicou à Geice que a ideia é ajudar os utentes do CAT a desenvolverem competências, pelo que serão pessoas em situação de vulnerabilidade a apoiar os mais carenciados.
O conceito “The Street Store” foi introduzido em Portugal no mês de outubro e reajustado pela Methamorphys com o objetivo de dotar os utentes da instituição de competências para os ajudar a construir um novo projeto de vida.“Os utentes vão colaborar como voluntários e estão a preparar este dia e aí é que está o desenvolvimento de competências”, referiu a responsável.
Carla Ravazzini, psicóloga voluntária na instituição, teve a ideia de adaptar o conceito da loja de rua, pondo os próprios utentes do Centro de Acolhimento Temporário a colaborar neste projeto. Os utentes estão envolvidos na preparação, na recolha, na montagem da loja e no apoio à loja que vai decorrer no dia 28 de novembro, entre as 10:00 e a 17:00, no espaço onde se realiza o mercado semanal, junto ao estabelecimento prisional da cidade. A organização quer envolver todos, convidando os vianenses a doar o que não precisam e a levar, no dia da loja de rua, algo de que necessitem.
Esta é uma iniciativa que envolve outras entidades que trabalham na área social em Viana do Castelo, como a Casa dos Rapazes, Lar de Santa Teresa e o Berço, instituições que acolhem bebés e crianças em risco, bem como o Gabinete de Atendimento à Família (GAF).
Os pontos de recolha dos bens doados para a loja de rua estão distribuídos por várias Juntas de Freguesia do concelho, como Areosa, Monserrate, Santa Maria Maior e Meadela, e no próprio CAT da Methamorphys.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts