FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 15 Dez 2015

Aquamuseu do Rio Minho alerta comunidade sobre consequências do lixo no rio e mar

Até final do ano, está patente no Aquamuseu do Rio Minho, em Vila Nova de Cerveira, a exposição “Lixo … do Rio para o Mar”.  […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Até final do ano, está patente no Aquamuseu do Rio Minho, em Vila Nova de Cerveira, a exposição “Lixo … do Rio para o Mar”.  Numa iniciativa do Aquamuseu do Rio Minho e a Associação Portuguesa de Lixo Marinho (APLM), o objetivo é sensibilizar a comunidade sobre as consequências do lixo nos ecossistemas aquáticos.
De sublinhar que mais de 70% da superfície do nosso planeta está coberta por oceanos que suportam uma grande variedade de habitats e uma grande biodiversidade. Lixo marinho é qualquer material duradouro, fabricado ou processado que é descartado, eliminado ou abandonado na costa ou no mar. Cerca de 70% de todo o lixo marinho é constituído por plásticos e os restantes 30% correspondem a outros materiais como vidro, papel, metal, têxteis entre outros.
A mostra pretende informar a sociedade sobre a verdadeira dimensão do problema do lixo, em particular do plástico, no rio e no mar. O que é o lixo marinho, de onde vem, como afeta o meio-ambiente e o Homem e quais as ações que podemos tomar para combater este problema. Alterações simples dos hábitos pessoais, como redução do uso de sacos de plástico, escolha correta da pasta de dentes e cremes de cosmética, podem contribuir para uma relação mais saudável com o Ambiente, refere a exposição.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts