FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 22 Dez 2015

Campanha solidária quer ajudar menino da Areosa com 93% de incapacidade

  O Bruno é um menino de apenas 7 anos, residente na freguesia de Areosa, concelho de Viana do Castelo, e que precisa de ajuda. […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

 
O Bruno é um menino de apenas 7 anos, residente na freguesia de Areosa, concelho de Viana do Castelo, e que precisa de ajuda. O Bruno nasceu com agenesia total do corpo caloso e, com o passar do tempo, ao ficar doente por causa de uma meningite, foi revelado que o menino teria paralisia cerebral e foi-lhe depois feito também o diagnóstico de epilepsia, deixando a criança com 93% de incapacidade. Face a todas as dificuldades sentidas pela família, foi lançada, no início deste mês de dezembro, a campanha solidária “Vamos ajudar o Bruno”.
A mãe, Silvana Azevedo, explicou à Geice que “o Bruno nasceu bem, o parto correu bem. Até aos 5 meses de idade eu não sabia que ele tinha qualquer alteração ao nível do sistema nervoso central. Com essa idade ele apanhou uma meningite e foi aí que ficamos a saber que ele tinha já esses problemas”, indicou. “Tenho de o acompanhar em tudo”, explicou, dizendo que conta com a ajuda dos familiares e do pai do menino.
“Toda a gente tem receio de ficar com ele, porque sabem que ele exige cuidados especiais. E eu também não me sinto à vontade para o deixar com familiares porque as pessoas não sentem que têm competências para ficar com ele”, destacou.
A mãe tinha emprego, mas por causa das faltas constantes que tinha de justificar, para cuidar do filho e acompanhá-lo aos tratamentos, acabou por ficar desempregada. Hoje em dia, o Bruno “não anda, não fala, não come sozinho”, sendo totalmente dependente dos cuidados de terceiros “É um menino que fica frequentemente doente”, afirmou a mãe, revelando que, apesar das dificuldades iniciais, hoje em dia sente-se totalmente capaz de cuidar do filho.
Quem não conseguiu ficar indiferente ao caso foi João Passos, presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Jardim de Infância Bom Pastor, na freguesia da Areosa. “É uma criança que já estamos a acompanhar há cerca de três anos, é uma criança muito querida para todos nós. Sabendo as dificuldades que a família do Bruno está a passar, era fundamental que nos uníssemos para, pelo menos no Natal, terem uma época mais tranquila”, afirmou, dizendo que “as dificuldades do menino vão-se agravando pelo facto de a mãe, agora, não ter emprego”.
“É um menino muito carinhoso, que precisa de toda a ajuda que lhe pudermos dar”, realçou João Passos. A campanha solidária lançada pretende angariar donativos monetários, roupas, fraldas e alimentos para ajudar o Bruno e a família do menino. Neste momento, os donativos podem ser entregues no Jardim de Infância Bom Pastor, na freguesia da Areosa.
A mãe indicou que “ele precisa de tudo, desde medicação, roupa, fraldas tamanho 6, passando pela alimentação, que é especial, porque ele tem de comer muitas papas e iogurtes e, mesmo que coma a comida normal, tem de ser toda passada”.
Tendo em conta estas dificuldades, a freguesia uniu-se para preparar “um cabaz de Natal”, que será entregue na quinta-feira, 24 de dezembro, à família. “Para nós, é motivo de grande felicidade podermos ajudar o Bruno, que é uma criança que bem precisa”, revelou João Passos.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts