FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 14 Dez 2015

Campeonato de Portugal: Vianense mostrou em Argozelo vontade enorme de querer inverter situação desfavorável

Apesar da semana atribulada vivida pelo plantel do Sport Clube Vianense na ultima semana, pouco ou nada se notou com as saídas do treinador, Andrés […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Apesar da semana atribulada vivida pelo plantel do Sport Clube Vianense na ultima semana, pouco ou nada se notou com as saídas do treinador, Andrés Madrid e de vários jogadores na deslocação da centenária equipa de Viana do Castelo a Vimioso para defrontar o Argozelo em jogo referente à 13ª jornada do Campeonato de Portugal. Só por mera infelicidade a equipa montada pela primeira vez por Valério Miranda não conquistou a vitória em Trás-os-Montes.
O Vianense entrou muito forte, com muita vontade de mostrar serviço e logo no primeiro minuto o arbitro da Madeira, Anzhony Rodrigues, fez vista grossa a uma falta cometida pelo guardião contrario sobre Ruca.
Grande penalidade por marcar e vermelho direto por mostrar ao guarda-redes Carnide.
Com um poderio atacante nunca antes visto, Jordão e Dani nas laterais e Ruca pelo meio, foram uma dor de cabeça constante para a defesa da equipa da casa. Aos cinco minutos, Jordão, o melhor homem em campo, escapa pela direita e serve na perfeição Ruca que de cabeça acerta no ferro da baliza do Argozelo. Já diz o ditado que quem não marca sofre, os donos da casa chegaram ao golo pouco depois na sequência de um pontapé de canto.
Aos 7 minutos, Fred bateu a bola para a grande area de Jonas e depois de vários ressaltos o esférico foi ter com Tiago que não teve dificuldades em fazer o primeiro golo do jogo (1-0). A equipa de Viana do Castelo não se deixou abater com o golo sofrido e continuou a procurar a baliza contraria com muita insistência.
Aos 19 minutos, Dani arrancou pela direita e obrigou o guardião adversário a fazer novamente falta. Desta vez o arbitro madeirense não teve duvidas e assinalou o castigo máximo. Chamado aos 11 metros, Gersom não tremeu e empatou com toda a justiça o desafio (1-1).
O Vianense dominou toda a primeira parte mas acabou penalizado com o golo sofrido contra a corrente do jogo.
Nos segundos 45 minutos o jogo caiu de produção mas a equipa de Valério Miranda continuava a dominar e a procurar com muita vontade chegar à vitória. Já perto do final do encontro, aos 80 minutos, voltaram os homens do Alto Minho a dispor de uma oportunidade flagrante para “matar” o jogo. Gerson bateu um livre fontal e a bola foi cortada pela mão de um defesa contrario. O arbitro foi novamente “obrigado” a apontar para a marca da grande penalidade mas desta vez o lateral do Vianense não teve sangue frio e atirou ao lado. O jogo acabaria empatado a um golo (1-1).
Mesmo sem conseguir ganhar, os jogadores do Vianense mostraram em Argozelo uma enorme vontade e espírito de equipa. Os jovens chamados para este jogo deram sinais claros de crer agarrar com unhas e dentes a oportunidade que lhes surgiu de poder vestir a camisola principal do Sport Clube Vianense.
Com este empate o Vianense subiu alguns degraus na tabela classificativa. A equipa de Viana ocupa o sétimo lugar com 13 pontos e na proxima semana volta a jogar fora, visita Mirandela.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts