FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 24 Fev 2016

CMIA de Viana do Castelo promove “Ciência para Todos”

O Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental (CMIA) de Viana do Castelo vai promover, já a partir de Março, a primeira edição do “Ciência para […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental (CMIA) de Viana do Castelo vai promover, já a partir de Março, a primeira edição do “Ciência para Todos” com o intuito de estimular na comunidade escolar e também o público em geral o interesse pela ciência. Subdividido em três temáticas diferentes ao longo do ano (Montanha, Rio e Mar), o evento arranca com ateliês científicos e oficinas de aprendizagem no CMIA e de palestras nas escolas dinamizadas por investigadores. Ao longo do mês de Março, os visitantes do CMIA irão encontrar na sala do moinho de maré diversas experiências científicas interativas relacionadas com a Floresta, de acesso gratuito, de modo a divulgar o avanço cientifico-tecnológico educacional nesta temática. Assim, na semana entre 14 e 18 de março, a autarquia promoverá a deslocação de turmas do concelho aos referidos ateliês, sob marcação prévia junto do CMIA. No dia 19 de março será dinamizada uma oficina de aprendizagem para o público em geral acerca da temática dos Líquenes, organismos que facilmente são encontrados associados a árvores e que são bioindicadores, por excelência, da qualidade do ar de um ecossistema. Esta oficina de aprendizagem será composta por uma componente teórica e por uma saída de campo para identificação e recolha de exemplares com posterior observação à lupa para sua identificação e análise. Para além deste conjunto de atividades, o CMIA irá desenvolver também um evento designado “Rostos da Ciência” que consiste em levar investigadores a escolas do concelho nestas três áreas – mar, rio e montanha. No mês de abril, mais concretamente no dia da Terra, irá realizar-se a primeira palestra sobre o tema da floresta direcionada para o ensino secundário com o objetivo de despertar na comunidade escolar a curiosidade pelos nossos recursos florestais, motivando-os para a ciência em geral e para a investigação, em particular, como ferramenta de trabalho e do conhecimento capaz de auxiliar a gestão dos ecossistemas.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts