FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 01 Mar 2016

 2015: Europac aumenta resultado líquido em 30,9%

O Conselho de Administração do Grupo Europac aprovou as contas de 2015. A empresa conseguiu um lucro líquido de 32,4 milhões de euros, um aumento de 30,9% em relação aos 24,8 milhões de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Conselho de Administração do Grupo Europac aprovou as contas de 2015. A empresa conseguiu um lucro líquido de 32,4 milhões de euros, um aumento de 30,9% em relação aos 24,8 milhões de 2014. O EBITDA consolidado cresceu para os 111,1 milhões de euros, um avanço de 21,7% aos 91,3 milhões do exercício anterior. Num contexto de ligeiro aumento das vendas, que em 2015 cresceram 2,8% para os 1.083,7 milhões, o incremento dos resultados justifica-se com melhorias na gestão pela implementação de projetos internos de carácter comercial e operacional, o aumento do volume, a redução dos custos financeiros e, ainda que em menor medida, a evolução do mercado. Os projetos internos de gestão tiveram um impacto em 2015 de 14,3 milhões de euros. Destes, 4,3 milhões correspondem à Divisão Packaging e 10 milhões à Divisão Papel. O novo empréstimo sindicado assinado em julho supõe uma redução do custo financeiro de 20,3%, pela redução do volume de dívida e melhorias do custo de financiamento. De salientar que 2016 será o primeiro ano completo em que o grupo beneficiará das vantagens do novo empréstimo sindicado. José Miguel Isidro, presidente-executivo do Grupo Europac, garante que “estes resultados, notavelmente melhores que os de 2014, confirmam a evolução positiva do nosso negócio e a tendência de crescimento sustentado. De destacar o impacto estrutural que vão ter nos próximos exercícios os projetos de gestão interna executados em 2015”. Neste sentido, assinala que “a Europac está a cumprir as etapas necessárias para alcançar os objetivos definidos no seu Plano Estratégico e estes resultados representam a base para continuarmos a crescer nos próximos exercícios”. 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts