FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 06 Mar 2016

ULSAM cumpre 94,20% dos Tempos Máximos de Resposta Garantida dos doentes apesar da falta de recursos

No ano de 2015, a Unidade Local de Saúde do Alto Minho EPE (ULSAM) garantiu um cumprimento de 94,20 % dos Tempos Máximos de Resposta […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No ano de 2015, a Unidade Local de Saúde do Alto Minho EPE (ULSAM) garantiu um cumprimento de 94,20 % dos Tempos Máximos de Resposta Garantida (TMRG) dos doentes referenciados pelos Cuidados de Saúde Primários. Foram analisadas um total de 35.011 primeiras consultas e o conselho de administração da ULSAM mostra-se satisfeita com este resultado, considerando que é o reflexo do “esforço” feito.
“As situações em que não foi possível cumprir os Tempos Máximos de Resposta Garantida têm a ver com a falta de recursos humanos, nomeadamente de médicos de algumas especialidades, onde naturalmente se inclui ausências prolongadas, licenças de maternidade, aposentação ou impossibilidade de renovação de contrato ou de contratação de novo”, declara o conselho de administração, afirmando que “as restantes situações são residuais e esporádicas”.
Recorde-se que a ULSAM inclui o Hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo, o Hospital Conde de Bertiandos, em Ponte de Lima e, 13 centros de saúde espalhados por todo o Alto Minho. Só o Hospital de Viana serve cerca de 244 mil pessoas dos concelhos vianenses e também algumas populações de Braga.
“Conclui-se assim, que os utentes dos Cuidados de Saúde Primários desta Unidade Local de Saúde têm agora uma maior acessibilidade às primeiras consultas de Especialidade”, reforça a administração, agradecendo “a todos os profissionais e respetivas direções que se têm empenhado no sentido de uma melhoria contínua e na obtenção dos resultados obtidos e agora apresentados”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts