FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 19 Abr 2016

Cerveira satisfeita com “excelentes resultados em todos os indicadores de gestão municipal”

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira revela estar satisfeita com os “excelentes resultados em todos os indicadores de gestão municipal”. Em comunicado, a […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira revela estar satisfeita com os “excelentes resultados em todos os indicadores de gestão municipal”. Em comunicado, a autarquia liderada por Fernando Nogueira declara que “mesmo perante a consolidação de uma política de baixa fiscalidade, o executivo cerveirense alcançou, no ano transato, excelentes resultados”. O Relatório de Prestação de Contas 2015 foi aprovado, em reunião de vereação, e vai ser submetido à apreciação e votação pela Assembleia Municipal.
“As contas do Município de Vila Nova de Cerveira continuam de boa saúde, resultado de um grande esforço, rigor e racionalização autárquica em prol dos cerveirenses que residem e investem no concelho, pensando no desenvolvimento sustentável para o futuro”, declara fonte do município. Fernando Nogueira destaca “a continuidade de melhorar o bem-estar e qualidade de vida dos cerveirenses, através da prática de baixa fiscalidade, do reforço da política de apoio social e apoio às freguesias, sem recurso a empréstimos bancários”.
Se por um lado, o executivo tem consolidada a implementação de uma política fiscal centrada nas pessoas através da aplicação do nível mais reduzido de impostos, taxas e tarifas e da estratégia redistributiva do IRS, por outro lado tem conseguido valores de poupança e de amortização de dívida muito significativos, cuja execução orçamental global da despesa e da receita no exercício de 2015 foi de cerca de 88,9% e de 95,8% respetivamente.
O Relatório de Prestação de Contas 2015 sustenta uma gestão saudável marcada por um índice de endividamento líquido muito abaixo dos limites legais definidos, para o qual contribuiu uma redução da dívida de cerca de 730 mil euros. Por sua vez, o serviço de dívida teve um encargo de 515 mil euros (pagamento de juros de 59 mil euros e amortização de 456 mil euros). Destaque ainda para uma redução permanente do prazo médio de pagamentos a fornecedores e um grau de transparência municipal que conquistou o 5º lugar no ranking nacional do Índice de Transparência Municipal (ITM).
Após aprovação em reunião de Câmara Municipal, o documento vai ser colocado à apreciação e votação na próxima sessão ordinária da Assembleia Municipal, agendada para 29 de abril, e posteriormente estará disponível na íntegra para consulta no Portal Municipal.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts