FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 29 Abr 2016

Erro na identificação de soldado limiano da I Guerra Mundial foi descoberto por alunos do 5º ano

Com paciência e perseverança, os alunos da turma do 5º D do Centro Educativo das Lagoas, em Ponte de Lima, descobriram um erro na identificação […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Com paciência e perseverança, os alunos da turma do 5º D do Centro Educativo das Lagoas, em Ponte de Lima, descobriram um erro na identificação de um soldado limiano que perdeu a vida durante a I Guerra Mundial. Os alunos limianos recolheram informações sobre um soldado de Moreira do Lima que teria falecido durante a primeira grande guerra e descobriram que o Arquivo da História Militar identificou mal o soldado.
Tudo começou no âmbito do projeto “Rato da Biblioteca” que tem por tema, este ano, “Do soldado desconhecido ao soldado conhecido”. Adriana Abreu, diretora de turma dos pequenos estudantes, explicou à Geice que, tendo em conta o tema do projeto, os alunos consultaram o memorial virtual dos mortos durante a I Guerra Mundial e procuraram um soldado de Ponte de Lima, pela maior afinidade. Lá encontraram o nome “António de Lá Lemos”, como tendo sido um soldado natural de Moreira do Lima.
 “Quando nos foi lançado o desafio do Rato da Biblioteca, fomos procurar um soldado que nos dissesse alguma coisa, que fosse possivelmente de uma freguesia perto de nós, e encontramos este nome, António de Lá Lemos, o que nos lançou nesta aventura”, explicou a professora.
Durante as investigações, os estudantes reuniram com o presidente da Junta de Freguesia, com o pároco e com várias outras pessoas, mas não conseguiam encontrar qualquer informação sobre o referido nome. “Os alunos começaram a perguntar pelo nome e, passado algum tempo, apareceram desanimados, porque viram que o apelido ‘Lá’ não era conhecido em Moreira do Lima, nem em freguesia nenhuma da Ponte de Lima, e até o ‘Lemos’ era pouco conhecido”, explicou a professora, dizendo que foi aí que colocaram a hipótese de o nome não estar correto.
Com a ajuda de Mário Leitão, os alunos perceberam que “António de Lá Lemos” poderia ser, na verdade “António de Sá Leones”. A data de nascimento do nome era a mesma e também o número de identificação militar era igual.
Segundo as pesquisas dos jovens estudantes do 5º D, António de Sá Leones nasceu a 1 de Setembro de 1894. O soldado fez parte da Brigada do Minho, no Regimento de Infantaria 3, onde estavam inseridos todos os soldados de Ponte de Lima, e terá perdido a vida a 9 de Abril de 1918, na Batalha de La Lys, em França. Quando conseguiram perceber a origem do erro, os estudantes enviaram um e-mail ao Arquivo Histórico Militar a pedir a alteração do nome do soldado limiano no Memorial aos Mortos na Grande Guerra. Por agora, sabem apenas que o pedido foi reencaminhado para outro departamento.
Quando souberam o verdadeiro nome do soldado, os alunos descobriram que a casa onde o militar nasceu se mantém “quase nas mesmas condições” dessa época. Descobriram também dois sobrinhos ainda vivos, que os estudantes limianos fizeram já questão de visitar, falando com a sobrinha Conceição.
“Os alunos estão muito entusiasmados porque descobriram algo sobre alguém que lhes é próximo e que até é ainda familiar de alguns alunos da turma. O pai de uma das meninas da turma tem um avô que foi para a guerra com este soldado. O avô do pai da menina voltou, mas este nosso soldado António de Sá Leones não voltou”, conta a responsável, destacando as ligações “afetivas e emocionais” de todos os alunos, professores e encarregados de educação a este projeto.
“Fomos ver a casa onde ele nasceu com os alunos, foi muito interessante, eles ficaram muito entusiasmados. A casa ainda tem mobiliário dessa época, falamos com uma sobrinha, que tem cerca de 80 anos, e que esteve a contar-nos aquilo que se lembra de ter ouvido dizer sobre este soldado. Ficamos a saber, por exemplo, que ele era pedreiro, e ajudava o pai, e mostraram-nos até um peça que foi ele a fazer”, referiu Adriana Abreu.

Imagens: https://centroeducativolagoas.blogspot.pt/

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts