FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 08 Abr 2016

Ponte de Lima: Novo Campo Municipal da Gandra vai ser uma realidade

Estimular a prática desportiva, como atividade social de valor inegável e considerando o papel relevante do associativismo desportivo no fomento e na generalização do acesso […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Estimular a prática desportiva, como atividade social de valor inegável e considerando o papel relevante do associativismo desportivo no fomento e na generalização do acesso à ação desportiva regular dos jovens e munícipes do concelho, é um dos propósitos do Município de Ponte de Lima, ao investir em equipamentos e infraestruturas próprias para o efeito.
Neste contexto, a Câmara Municipal de Ponte de Lima aprovou a “Construção de Relvado Sintético – Campo Municipal da Gandra”, um projeto de arquitetura que inclui um campo de futebol de 11, em relva sintética, balneários e bancada a ele associado. A infraestrutura enquadra-se numa zona de equipamentos escolares e proporcionará o usufruto de uma instalação desportiva para a prática e formação de futebol.
Em termos de localização, a presente intervenção fica implantada a nascente do “complexo” que atualmente alberga o Pavilhão Gimnodesportivo e Centro Educativo da Gandra, numa parcela confinante com a rua da Corujeira com a área de 12.000,00 m2.
Assim, pretende-se construir um campo de futebol cujo terreno de jogo terá as dimensões de 100,00m x 60,00m (6.000,00m2), inserida numa área de relvado sintético de 6.890,00 m2, que inclui a área de reserva periférica regulamentar de segurança, sendo esta de 2.50m na lateral e de 3.0m nos topos das balizas. Neste limite será colocada a vedação que separa os espectadores e a área jogo. O revestimento do campo será constituído por Relva Sintética com carga mista de areia de sílica e carga orgânica de granulado de borracha, incluindo remates e cortes.
A construção do novo campo implica igualmente a edificação de um edifício de apoio destinado a vestiário/balneário e instalações sanitárias.
A área destinada a espectadores confina-se à bancada e espaços de movimentação e de permanência em dois lados do campo, nomeadamente a sul e poente, tendo início num acesso coberto, onde se localiza a bilheteira e os sanitários públicos, integrado no referido volume retangular.
O acesso ao recinto desportivo será feito pela parte norte, com entradas separadas para desportistas/veículos de emergência e espectadores.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts