FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 17 Abr 2016

Viana adere à constituição da Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica

A Câmara Municipal de Viana do Castelo deliberou aderir à constituição da Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica, uma associação sem fins lucrativos […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Câmara Municipal de Viana do Castelo deliberou aderir à constituição da Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica, uma associação sem fins lucrativos constituída por Municípios e outras entidades. Os estatutos apontam como associados fundadores os Municípios de Alcobaça, Aveiro, Barcelos, Caldas da Rainha, Ílhavo, Mafra, Óbidos, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Tondela, Torres Vedras, Viana do Alentejo, Viana do Castelo e Vila Nova de Poiares. A Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica propõe-se a manter relações de cooperação e colaboração com outras associações nacionais e estrangeiras que tenham objetivos semelhantes. Entre os seus objetivos figuram a defesa, a valorização e a divulgação do património cultural e histórico cerâmico; O intercâmbio de experiências entre os associados, nomeadamente ao nível da conservação do património; O estabelecimento de parcerias entre cidades e vilas com vínculos tradicionais à cerâmica seja do tipo produtivo, cultural ou de outro âmbito; A promoção da criação artística e a difusão da cerâmica tradicional e contemporânea; A planificação e o desenvolvimento de uma política de divulgação e de comercialização da oferta cerâmica nos diversos centros de produção em território nacional; O incentivo de relações de cooperação e intercâmbios entre municípios associados que partilhem de realidades próximas, bem como com outras entidades particularmente relacionadas com a produção e a comercialização da cerâmica; O incremento de programas de formação dentro da atividade, tanto de carácter produtivo como cultural, garantindo a continuidade do sector nas áreas municipais aderentes à AptCC; Impulsionar e facilitar, desde as instituições e administrações locais às europeias, nos mais diversos níveis, as iniciativas que se mostrem pertinentes para o desenvolvimento da competitividade da atividade cerâmica; Promover a consciencialização de empresários e das comunidades locais para a importância histórica e patrimonial da cerâmica, seja na vertente artesanal como industrial; e evidenciar o potencial da sustentabilidade económica e social das cidades e vilas associadas a partir da cerâmica, que passa pela manutenção da tradição aliada à inovação. Fazem parte desta entidade todos os municípios membros da administração local, signatários, presentes na fundação da Associação, em cujos territórios a cerâmica assuma um relevo especial, tanto como atividade produtiva, cultural ou comercial.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts