FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 12 Mai 2016

Caminha avança com 2ª edição do Orçamento Participativo e visita 6 freguesias

No dia 06 de junho, a Câmara Municipal de Caminha dá início à 2ª edição do Orçamento Participativo. Os encontros de participação começam nesse dia […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No dia 06 de junho, a Câmara Municipal de Caminha dá início à 2ª edição do Orçamento Participativo. Os encontros de participação começam nesse dia na AMIR – Associação Moledense de Instrução e Recreio, onde a população poderá apresentar as propostas e decidir os projetos que quer para o concelho de Caminha. Durante três semanas, os caminhenses vão ser chamados aos encontros de participação. No dia 08 de junho, o município desloca-se a Vila Praia de Âncora; dia 13, a Riba de Âncora; dia 15 a Argela, dia 20 a Vilar de Mouros e no dia 22 a Orbacém, sempre pelas 18 horas.
O Orçamento Participativo de Caminha é um processo de participação cidadã que visa assegurar o envolvimento dos munícipes na decisão anual sobre as prioridades de investimento público autárquico, reforçando os mecanismos de interação com a população, de transparência na alocação dos recursos públicos e de aprofundamento da democracia a nível local. O Orçamento Participativo 2016 contempla uma verba de 195 mil euros, o que correspondente ao montante de IRS que se prevê que os munícipes do concelho paguem durante o ano de 2016, sendo que cada projeto não poderá ultrapassar os 65 mil euros.
Recorde-se que a recuperação do espaço envolvente ao Dólmen da Barrosa (Vila Praia de Âncora); a adaptação do Centro Cultural de Gondar para Unidade de Apoio Domiciliário (Gondar); a reparação do Cais da Rua e colocação de guindaste para embarcações (Caminha) e a Rede Wi-Fi para as freguesias das Argas, foram os 4 projetos vencedores do 1º Orçamento Participativo de Caminha, escolhidos por mais de duas mil pessoas.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts