FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 02 Mai 2016

VIII Jornadas de Cultura Popular promovem dois dias de debate na Meadela

Dias 06 e 07 de maio, a Ronda Típica da Meadela promove a oitava edição das Jornadas de Cultura Popular. Entre esta sexta-feira e sábado, […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Dias 06 e 07 de maio, a Ronda Típica da Meadela promove a oitava edição das Jornadas de Cultura Popular. Entre esta sexta-feira e sábado, as VIII Jornadas prometem reunir especialistas na Meadela, no concelho de Viana do Castelo, juntando representantes de áreas diferenciadas para debater os vários quadrantes da Cultura Popular.
As jornadas são uma iniciativa cultural a cargo da Ronda Típica da Meadela que, em parceria com a União de Freguesias da cidade (Meadela, Monserrate e Santa Maria Maior), e com o apoio da Câmara Municipal de Viana do Castelo, organiza ciclos de debate em torno dos principais temas inerentes à Cultura Popular, contando com o apoio da Rádio Geice FM.
Na noite de sexta-feira, a partir das 21h30, a sala de reuniões é o palco escolhido para “In Padre Fontes Veritas”, tema desenvolvido por Paulo Reis, seguido de Mário Pais de Oliveira  que falará acerca das ”Fés religiosas e Fé de Jesus: sinónimos ou antónimos? Todas libertam, humanizam, dignificam, fraternizam os seres humanos e os povos?”, seguido de José Joaquim Garrucho Martins com uma intervenção voltada para “os Espectros e fantasmas: como os mortos continuam vivos”. “O Oculto” será o tema a cargo do carismático Padre António Fontes, que encerrará a noite com o tradicional esconjuro e queimada de Vilar de Perdizes.
Pelas 15h00 de sábado, o programa das VIII Jornadas prosseguirá em torno da ”Literatura de Cordel”, da responsabilidade de Jorge Castelo Branco. Já Luís Filipe Maçarico apresentará o tema “A Linguagem dos Sinos”, e “Chaminés Tradicionais do Concelho de Alcanena” será  tema apresentado por Zulmira Bento, seguida de Altino Moreira Cardoso com “A Tradição do Galego-Português nas Cantigas Tradicionais do Alto-Douro” e ainda “Música Popular”, por Henrique Figueiras.
Pelas 20h30, um Jantar Tradicional na “Quinta da Presa” recria os principais pratos da região com um apontamento de música popular, encerrando, assim, as VIII Jornadas de Cultural Popular.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts