FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 28 Jun 2016

Impacto do projeto +Cidadania é apresentado quinta-feira na UMinho

O impacto da rede comunitária +Cidadania, lançada este ano letivo nas escolas básicas de Barcelos, Braga, Famalicão e Guimarães, é conhecido na quinta-feira, às 14h30, […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O impacto da rede comunitária +Cidadania, lançada este ano letivo nas escolas básicas de Barcelos, Braga, Famalicão e Guimarães, é conhecido na quinta-feira, às 14h30, no Instituto de Educação da Universidade do Minho, em Braga. A sessão de abertura junta Eulália Duarte, subdiretora-geral da Educação, José Mesquita, diretor regional do Norte da Direção-Geral de Estabelecimentos Escolares, António Barroso, representante da associação intermunicipal Quadrilátero, e José Augusto Pacheco, presidente do IE. Segue-se a conferência “Crianças e aprendizagem: tecnologias para quê?”, por Altina Ramos e Luís Valente, do IE. Às 15h45 são apresentados os projetos desenvolvidos no +Cidadania, por professores dos quatro concelhos que tiveram formações e promoveram com os alunos várias ações de cidadania ativa, através da rede social maiscidadania.lusoinfo.com (há mais de 1100 posts, desde reciclagem à proteção animal), do caderno de atividades próprio ou da interação com a comunidade. A fase-piloto foi considerada um sucesso, envolvendo mais de 10.000 alunos e 639 docentes de 187 escolas. Prevê-se uma nova fase com mais áreas de trabalho e geografias. A sessão continua às 17h00 com o painel “Perspetivas para o futuro”, reunindo os vários vereadores da Educação. Meia hora mais tarde, o encerramento conta com Rui Vieira de Castro, vice-reitor da UMinho, António José Osório, coordenador científico do +Cidadania e professor do Instituto de Educação, Alexandra Gomes, também do Instituto de Educação, e ainda os oradores da abertura. Na plateia estarão cerca de 150 professores, coordenadores do 1º Ciclo, diretores de agrupamentos escolares e responsáveis de centros de formação. A entrada é livre, mediante inscrição prévia.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts