FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 06 Jul 2016

Município de Esposende investe mais de meio milhão de euros na beneficiação de rua em Fão

O Município de Esposende vai proceder ao reperfilamento e infraestruturação do troço da Rua de Serpa Pinto, entre a Rua das Pedreiras e a Rua […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Município de Esposende vai proceder ao reperfilamento e infraestruturação do troço da Rua de Serpa Pinto, entre a Rua das Pedreiras e a Rua Forno da Cal, em Fão, num investimento estimado de aproximadamente de 419 000 euros. Já em julho arranca a obra de águas pluviais, na Rua das Pedreiras, no valor de 140 mil euros. “Trata-se da primeira fase de uma obra há muito ansiada e reivindicada pela população e pela própria Junta de Freguesia e por isso o Município decidiu concretizá-la”, vincou o presidente da Câmara Municipal de Esposende. Esta intervenção traduzir-se- á na instalação/beneficiação de todas as infraestruturas, nomeadamente da EDP, EDP Gás e PT, incluindo também a beneficiação das redes de água e de águas pluviais e a instalação de saneamento onde a rede é inexistente, possibilitando a ligação de 84 moradias. Na mesma empreitada serão, assim, executadas diversas intervenções, minimizando custos e constrangimentos para a população, sendo que, para tal, será constituído um agrupamento de entidades adjudicantes, situação que ocorre pela primeira vez no Município de Esposende. A obra da Rua de Serpa Pinto tem um prazo de execução de nove meses, prevendo-se que os trabalhos arranquem no início do próximo ano, correspondendo à primeira fase de um conjunto de intervenções que estão previstas para aquela área envolvente. Esta intervenção integra o Plano de Investimento nas Freguesias e reveste-se da maior relevância pelo benefício que resultará para a população, particularmente para os moradores, contribuindo para valorizar urbanisticamente esta zona da vila de Fão e para a melhoria da qualidade de vida da população. É intenção do Município, por via da empresa municipal Esposende Ambiente, candidatar a obra, no que concerne às infraestruturas de água e saneamento, a fundos europeus, nomeadamente no Eixo “Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos recursos”, do Programa Operacional Sustentabilidade e eficiência no Uso de Recursos (POSEUR). Porém, pela importância que a obra tem, a autarquia assegura, desde já, o investimento global inicial.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts