FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 27 Set 2016

Município de Esposende assina compromisso para a redução do lixo marinho

O Município de Esposende aceitou o desafio lançado pela APLM – Associação Portuguesa do Lixo Marinho e, através da empresa municipal Esposende Ambiente, assinou a […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Município de Esposende aceitou o desafio lançado pela APLM – Associação Portuguesa do Lixo Marinho e, através da empresa municipal Esposende Ambiente, assinou a Carta de Compromisso para a Parceria Portuguesa de Lixo Marinho para Portugal. A causa visa a redução dos impactes ecológicos e económicos do lixo marinho presente nas praias e nas águas costeiras, incluindo rios, estuários e suas margens, promovendo, por esta via, a proteção dos ecossistemas e da saúde humana em Portugal. Todos os anos chegam ao oceano milhões de toneladas de resíduos e o lixo marinho é, atualmente, um problema global que ameaça tanto o meio marinho como o Homem. Assim, é urgente sensibilizar a sociedade para este problema, pois somente através da união de esforços e vontades, que tenham por base ideais de respeito pelo ambiente natural e pelos direitos humanos universais, é possível efetivamente contribuir para uma gestão mais sustentável do nosso meio marinho. Neste sentido, a Associação Portuguesa do Lixo Marinho incentivou indivíduos e organizações, quer do sector público quer privado, a participarem ativamente no processo de criação da Parceria Portuguesa para a redução do lixo marinho, e que engloba todos os resíduos que se encontram nas praias, na água e nos fundos das zonas costeiras, incluindo rios, estuários e suas margens. Até ao momento, 80 pessoas assinaram a título individual esta carta, bem como 24 organizações governamentais, organizações não-governamentais e empresas que partilham a visão de que o problema do lixo marinho e dos seus impactes só poderá ser reduzido através da corresponsabilização e esforço concertado de todos, e que desejam contribuir, pelos métodos e tecnologia ao seu alcance, para a redução do lixo marinho. A APLM tem por missão a defesa e conservação do ambiente face aos impactes do lixo marinho. Nasceu no meio académico no seguimento do trabalho realizado nesta área por uma equipa de investigadores do MARE, na Universidade Nova de Lisboa, e surge no contexto nacional como uma plataforma agregadora de vontades no sentido de combater e reduzir o lixo marinho.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts