FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 23 Nov 2016

50 empresários apresentam o melhor da região na II Feira Mostra 100% Alto Minho

  Nos dias 02, 03 e 04 de dezembro, 50 empresários de todo o Alto Minho vão marcar presença na “II Feira Mostra 100% Alto […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

 
Nos dias 02, 03 e 04 de dezembro, 50 empresários de todo o Alto Minho vão marcar presença na “II Feira Mostra 100% Alto Minho” para apresentar o que de melhor existe na região. O evento é organizado pela CEVAL – Confederação Empresarial do Alto Minho e acontece no Centro Cultural de Viana do Castelo, tendo como objetivo apresentar e promover o território, as empresas e os recursos.
 A Feira pretende apresentar o melhor que existe nos dez concelhos do Alto Minho, nas principais áreas de matriz endógena, desde fumeiro, vinhos, doçaria/compotas, passando pelas conservas de produtos do mar e o gastronomia variada.
Luís Ceia, presidente da CEVAL, referiu em conferência de imprensa, esta terça-feira, que pretendem “reforçar o potencial dos produtos da região, muito em concreto do agro-alimentar e do artesanato”, indicando que já uma centena de empresas fazem parte da rede “100% Alto Minho”. “O mosaico que é o Alto Minho vai estar aqui apresentado”, garantiu o empresário.
“Esta mostra pretende ser um repositório vivo daquilo que é a diversidade do Alto Minho em termos dos produtos que aqui estão representados”, declarou o responsável. O certame vai contar com “dois momentos altos”, que incluem o desfile da estilista Isabel Lima, no sábado à noite, e a apresentação da “Mala 100% Alto Minho”.
Este é o segundo ano em que a estilista vianense vai participar na Feira e Isabel Lima promete apresentar cerca de 40 criações no sábado à noite, dia 03 de dezembro, com uma coleção inspirada “na história e nas tradições” dos dez municípios da região.
Já a “Mala 100% Alto Minho” é uma embalagem de cartão que vai viajar até ao estrangeiro para cativar a diáspora com produtos dos dez concelhos do distrito. Luís Ceia considera que a mala vai permitir levar produtos alto-minhotos à diáspora, “de uma forma perfeitamente embalada e acondicionada”.
A animação da Feira estará a cargo dos dez municípios do Alto Minho, da CEVAL, de um cortador de presuntoS e ainda contará com ‘showcookings’ e degustações pela  Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo.
Durante a feira vão também ser anunciados mais dois embaixadores da marca que pretende divulgar o que de melhor existe nos dez concelhos do distrito vianense. Os dois novos nomes vão juntar-se aos quatro embaixadores já existentes: Dom Duarte Pio, Duque de Bragança; Nuno Vieira e Brito, ex-secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Agroalimentar; Luís Campos Ferreira, ex-secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, e Rui Solheiro, ex-autarca de Melgaço e membro da Associação Nacional dos Municípios Portugueses.
Durante a Feira serão ainda divulgados os resultados do I Concurso de Vinhos Verdes 100% Alto Minho e será feita uma pré-apresentação do portal Way2Market, um projeto que representa a criação de uma loja on-line que vai levar produtos endógenos do Alto Minho à diáspora portuguesa a partir de março de 2017.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts