FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 03 Nov 2016

Câmara de Cerveira aprovou por maioria orçamento no valor de 12,1 milhões

O executivo da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira aprovou o Orçamento e Grandes Opções de Plano (GOP) para o próximo ano, no valor […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O executivo da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira aprovou o Orçamento e Grandes Opções de Plano (GOP) para o próximo ano, no valor de 12,1 milhões de euros, representando um acréscimo de cerca de 6% relativamente ao documento anterior. O documento foi aprovado por maioria, com duas abstenções do PS, e vai ser remetido para apreciação pela Assembleia Municipal. Segundo o autarca Fernando Nogueira, o aumento da verba na ordem dos 700 mil euros deve-se às transferências do Estado, às candidaturas comunitárias em processo de aprovação e ao saldo municipal positivo que se prevê que transite de 2016.
Fernando Nogueira refere que “sendo 2017 o último ano do atual mandato autárquico e, consequentemente, um ano eleitoral, seria mais fácil, por ser tentadora, a aposta em projetos apelativos, mas que não teriam qualquer coerência na sustentabilidade económica que desejamos”. Por isso, optou por “manter o rumo dos anos anteriores”, apresentando um Orçamento e Grandes Opções de Plano “pautados por realismo e sustentabilidade, ajustados às necessidades e à realidade do concelho”.
Este aumento do Orçamento é repercutido num reforço transversal em todas as áreas, mas principalmente das ‘Funções Sociais’ – Educação, Segurança e Ação Social, Habitação e Serviços Coletivos, e Serviços Culturais, Recreativos e Religiosos – que têm um peso de 59,7% nas Grandes Opções de Plano.
Ao nível de impostos que recaem sobre as famílias e as empresas sedeadas no concelho, mantém-se as reduções já deliberadas, com o intuito de minimizar a carga fiscal que depende da vontade do município. No que toca às Juntas de Freguesia há a registar um aumento em 4% das transferências diretas e ao qual se acresce também 10% a comparticipação em projetos que venham a apresentar. Apesar disso, os apoios destinados às diversas instituições públicas e privadas sem fins lucrativos de natureza cultural, social e desportiva também são para manter em 2017.
Entre alguns dos investimentos prioritários para o próximo ano, consta o projeto de beneficiação da EB2,3/S de Vila Nova de Cerveira; o arranque do investimento no Parque de Atividades Económicas de Sapardos; a implementação do Espaço de cidadão na Zona Industrial; a execução da 3ª fase da Ecovia; o Parque Transfronteiriço Castelinho-Fortaleza; a beneficiação da rede viária municipal; a regeneração urbana da entrada sul da vila; a qualificação, reforço e manutenção da rede de água; e o Orçamento Participativo 2017.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts