FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 05 Nov 2016

Câmara de Monção quer criar novo site e lançar aplicação para tablets e smartphones

Com o objetivo de investir nas novas tecnologias, a Câmara Municipal de Monção apresentou uma candidatura ao “Portugal 2020” para a criação de um novo […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Com o objetivo de investir nas novas tecnologias, a Câmara Municipal de Monção apresentou uma candidatura ao “Portugal 2020” para a criação de um novo website municipal e uma aplicação para smartphones e tablets. Denominada “E-Gov Alto Minho 2020: Município de Monção”, a proposta engloba ainda a aquisição de servidores para alojamento, firewall para proteção de dados e 2 hotspots com internet gratuita para o público.
Fonte do município de Monção assegura que a candidatura “tem como finalidade a prestação de melhores serviços online aos munícipes e visitantes através da implementação de soluções emergentes e inovadoras, garantindo uma maior simplificação de processos e alargamento dos serviços prestados à população”.
Na componente informativa, o propósito é uma maior interação e versatilidade no relacionamento com os munícipes. Na vertente turística e cultural, as vantagens são bastante relevantes, possibilitando, através da aplicação para smartphones e tablets, aceder a todas as áreas do portal de uma forma rápida e eficaz em qualquer lugar.
O sistema de alertas aos utilizadores da aplicação, aplicável aos ambientes operativos IOS e Android e descarregada de forma gratuita, permitirá o envio de mensagens individuais, alertando para várias situações como, por exemplo, interrupções de água, alterações ao trânsito ou espetáculos no Cine Teatro João Verde.
A nova “janela” para o mundo permitirá um “refresh” no atual portal municipal que, tendo sido concebido há uma década, não oferece as melhores condições técnicas para uma comunicação eficiente e abrangente, encontrando-se desajustado da atual realidade digital quer em termos de navegação e flexibilidade quer em termos de visualização gráfica.
Devido a problemas relacionados com o alojamento, em servidor exterior ao município, não tem sido possível inserir novos conteúdos nem retirar informações desatualizadas. Uma situação que se verifica desde o dia 20 de outubro e que os serviços municipais, em contacto com a empresa responsável pela criação do portal, estão a procurar ultrapassar.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts