FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 16 Jan 2017

Arcos de Valdevez aprova plano que vai investir 1 milhão na defesa da floresta contra incêndios

Em Arcos de Valdevez, a Câmara Municipal acaba de ver aprovado pelo ICNF  –  Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas o Plano Municipal […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Em Arcos de Valdevez, a Câmara Municipal acaba de ver aprovado pelo ICNF  –  Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas o Plano Municipal que vai investir 1 milhão de euros na defesa da floresta contra incêndios. O Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI) tem um período de vigência de 5 anos contados a partir da data de aprovação e é um instrumento de planeamento, programação, organização e execução de um conjunto de ações de prevenção, que visa diminuir o impacto causado pelos incêndios florestais, procurando defender a vida das pessoas, os seus bens e a floresta.
O plano arcuense visa diminuir o número de ocorrências de incêndios florestais e consequente área ardida, através da execução de diversas ações que estão definidas num programa de ação concertado entre todos os agentes envolvidos. Entre as ações propostas estão as Faixas de Gestão de Combustíveis de aglomerados Populacionais, da Rede Viária Municipal e nacional, das Linhas de Transporte e Distribuição de Energia, dos Parques empresariais e Parque Campismo, também contam ações de beneficiação da rede viária florestal e da manutenção/construção de pontos de água. O Plano de Fogo Controlado constituirá a principal ferramenta de apoio à execução do Plano de Ação em referência.
O Plano também procura analisar e avaliar a situação dos recursos de prevenção e combate aos incêndios florestais; melhorar o conhecimento das causas dos incêndios e das suas motivações; reforçar e integrar recursos para dissuasão e fiscalização; melhorar e eficácia e eficiência do ataque e da coordenação de meios de combate a incêndios, envolver e responsabilizar as comunidades; educar e sensibilizar as populações.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts