FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 27 Jan 2017

Candidatos às autárquicas de 2017 começam a aparecer por todo o distrito

Com o aproximar das eleições autárquicas, que vão acontecer entre setembro e outubro de 2017, por todo o distrito começam a surgir os primeiros nomes […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Com o aproximar das eleições autárquicas, que vão acontecer entre setembro e outubro de 2017, por todo o distrito começam a surgir os primeiros nomes de candidatos. Para Viana do Castelo, ainda é apenas conhecida a recandidatura de José Maria Costa, pelo Partido Socialista, que é o atual autarca da capital do Alto Minho. Depois de Ilda Figueiredo, que foi candidata pela CDU há quatro anos, ter sido anunciada como candidata à Câmara do Porto, fica a dúvida sobre o nome do candidato do partido, sendo também ainda desconhecido o nome do candidato do PSD, partidos que atualmente têm lugar no executivo vianense, como vereadores da oposição.
Em Ponte de Lima existem já três candidatos assumidos: o CDS volta a apostar em Victor Mendes, atual autarca, e que contou com o apoio da líder Assunção Cristas; Manuel Barros é novamente o candidato do PSD à autarquia limiana; e Abel Baptista, que em outubro passado anunciou ser candidato à Câmara de Ponte de Lima, tendo até manifestado estar “aberto ao apoio de todos os partidos”. Esta decisão provocou constrangimentos na direção nacional do CDS, partido do qual Abel Baptista se afastou entretanto, depois de ter renunciado, em julho, a todos os cargos que ocupava.
Por Caminha, é apenas conhecido o candidato do Partido Socialista, o atual autarca Miguel Alves, que conquistou a autarquia caminhense há quatro anos, retirando a liderança ao PSD. Em dezembro, recorde-se, a Comissão Política Concelhia do PS de Caminha decidiu, por maioria, apoiar a recandidatura do presidente da Câmara.
Nuno Silva foi já confirmado como o candidato do Partido Socialista à Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, sendo até agora o único candidato formalizado. A Comissão Política Concelhia de Vila Nova de Cerveira do PS aprovou, há poucos dias, “por unanimidade e aclamação” o nome de Nuno Silva como candidato à autarquia.
Para concorrer à Câmara Municipal de Monção, o PSD acaba de aprovar o nome de António Barbosa, que foi candidato em 2013 e, na altura, perdeu por apenas 3 votos para o PS. A recandidatura foi já aprovada pela concelhia de Monção, ratificada pelo órgão distrital, aguardando apenas homologação da comissão política nacional e da comissão autárquica nacional. Até à data ainda não foram formalizadas mais candidaturas a Monção.
Por Melgaço e em Paredes de Coura, até à data, ainda não existem candidatos anunciados, mas em Valença foi anunciado, pelo PS, o nome de Anabela Rodrigues, psicóloga e vereadora socialista na autarquia valenciana, como cabeça-de-lista do partido.
A Comissão Política concelhia do Partido Socialista de Ponte da Barca acaba de avançar com o nome de Inocêncio Araújo para candidato à Câmara Municipal de Ponte da Barca. O único candidato conhecido à autarquia barquense foi já Presidente da Junta de Freguesia de Entre Ambos-os-Rios durante três mandatos, e é adjunto do atual Presidente da Câmara, Vassalo Abreu, desde 2005.
Nos Arcos de Valdevez, apenas se conhece o nome de João Manuel Esteves, recandidato assumido deste o jantar de reis do PSD. Este anúncio, na presença do presidente do partido, Pedro Passos Coelho, resultou da escolha feita pela Comissão Política do PSD de Arcos de Valdevez, que decidiu, por unanimidade, propor a recandidatura do atual autarca.
 

 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts