FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 30 Jan 2017

Portinho de Castelo de Neiva e estaleiro de reparação no Cabedelo vão ser modernizados

A Polis Litoral Norte vai investir mais de 2,5 milhões de euros em Viana do Castelo para modernizar o portinho de pesca de Castelo de […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Polis Litoral Norte vai investir mais de 2,5 milhões de euros em Viana do Castelo para modernizar o portinho de pesca de Castelo de Neiva e modernizar o estaleiro de reparação de embarcações de pesca do Cabedelo. As duas intervenções, financiadas pelo Mar 2020, deverão estar concluídas em dezembro e setembro deste ano, respetivamente. Em causa está a Modernização do estaleiro de reparação de embarcações de pesca do Cabedelo, mediante o reordenamento e requalificação das áreas exteriores de circulação e estacionamento de embarcações, beneficiação das redes de infraestruturas, recuperação da rampa-varadouro, instalação de um novo guincho na rampa, requalificação e expansão da área coberta do estaleiro, e reordenamento e beneficiação do sistema de depósito e recolha diferenciada de resíduos. O investimento é de 370 mil euros e deverá estar concluído em setembro. Já a Modernização do Portinho de pesca de Castelo do Neiva implica a beneficiação das redes de infraestruturas, requalificação dos pavimentos, reordenamento das áreas exteriores de circulação e estacionamento de embarcações, e de manuseamento das redes e aprestos de pesca, instalação de um novo guincho na rampa-varadouro, requalificação e expansão dos armazéns de aprestos de pesca, reordenamento e beneficiação do sistema de depósito e recolha diferenciada de resíduos, requalificação/beneficiação da oficina de reparação de embarcações, beneficiação do posto de abastecimento de combustíveis às embarcações, e requalificação/beneficiação/ampliação do edifício-lota. O investimento é de 2.15 milhões de euros e deverá estar concluída em Dezembro. A Polis Litoral Norte, constituída entre o Estado e os Municípios de Caminha, Viana do Castelo e Esposende, tem como objeto intervir numa faixa costeira de cinquenta quilómetros na Região Norte, integrando as zonas estuarinas dos rios Minho, Coura, Âncora, Lima, Neiva e Cávado, totalizando cerca de cinco mil hectares.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts