FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 09 Fev 2017

Adega de Monção apresenta candidatura de 750 mil euros para reestruturação das vinhas

A Adega Cooperativa Regional de Monção apresentou uma candidatura ao Regime de Apoio à Reestruturação de Vinhas (VITIS), para a campanha 2017/2018, tendo como expectativa […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Adega Cooperativa Regional de Monção apresentou uma candidatura ao Regime de Apoio à Reestruturação de Vinhas (VITIS), para a campanha 2017/2018, tendo como expectativa um apoio a rondar os 750 mil euros para a região de Monção e Melgaço. Para Armando Fontainhas, presidente da Adega Cooperativa Regional de Monção, este programa de reestruturação das vinhas “é essencial para o contínuo esforço que temos vindo a desenvolver no sentido de apurar cada vez mais a qualidade dos vinhos produzidos na região”, lembrando tratar-se “de um néctar com características únicas e que, como tal, obriga a uma atenção redobrada no que diz respeito às matérias-primas utilizadas”.

Foram apresentados 106 cooperantes da instituição, que representam uma área total de cultivo superior a 52 hectares. O plano delineado pela Adega de Monção prevê o arranque de vinhas das diferentes castas, com o Alvarinho a representar 35,17 hectares, a Trajadura 1,96 hectares e as Castas Tintas 5,48 hectares. Já no que concerne à área de vinha a plantar, a candidatura apresentada aponta para 42,76 hectares de Alvarinho e 5,11 hectares de Trajadura.

A Adega Cooperativa Regional de Monção foi fundada a 11 de outubro de 1958 e congrega os produtores de Monção e Melgaço. Situada em plena Região Demarcada dos Vinhos Verdes, na sub-região de Monção e Melgaço, região à qual foi reconhecido o uso exclusivo da designação de “Vinho Verde Alvarinho”. Recentemente, juntou-se à rede de pequenas e médias empresas inovadoras da COTEC, fruto das tecnologias modernas empregues na vinificação e que garantem a colocação dos seus produtos em grande parte dos países da Europa, África, América do Norte e do Sul.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts