FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 01 Ago 2017

Rui Sousa: “Espero chegar ao alto de Santa Luzia com a camisola amarela vestida”

A Volta a Portugal Santander Totta, que vai disputar-se entre 4 e 15 de agosto, comemora este ano o seu 90º aniversario e o ciclista […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Volta a Portugal Santander Totta, que vai disputar-se entre 4 e 15 de agosto, comemora este ano o seu 90º aniversario e o ciclista vianense Rui Sousa, natural de Barroselas, será o mais velho do pelotão.

Esta terça-feira durante a apresentação da 5ª etapa, que chega a Viana do Castelo no dia 9, quarta-feira, o ciclista vianense disse que espera “chegar ao alto do monte de Santa Luzia com a camisola amarela vestida”. Rui Sousa mantém a esperança de vencer a “Grandíssima” e afirmou que tudo fará para que isso possa acontecer.

A 79ª Volta a Portugal Santander Totta em bicicleta, tem um percurso, com 1626,1 quilómetros, tem um figurino muito semelhante ao das edições anteriores, embora haja detalhes que podem fazer toda a diferença no final.

O principal desses detalhes é a distância total de contrarrelógio que os corredores terão de cumprir, 25,5 quilómetros, resultantes dos 5400 metros do prólogo e dos 20,1 quilómetros da última etapa. Não há memória de uma edição da Volta com tão poucos quilómetros em esforço individual, sendo necessário recuar a 1977 para encontrar algo de parecido, embora com uma distância superior: 27,6 quilómetros.

A corrida começa, dia 4, com prólogo, um contrarrelógio individual de 5,4 quilómetros, que se vai disputar na zona de Belém, em Lisboa e termina, dia 15 de agosto, com um contrarrelógio individual de 20,1 quilómetros, com partida e chegada em Viseu.

A quinta etapa levará a caravana de Boticas até ao alto de Santa Luzia, em Viana do Castelo, ao longo de 179,6 quilómetros que culminam com a subida de terceira categoria em empedrado.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts