FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 01 Fev 2018

Câmara de Viana cede terreno para PSP construir 1º centro de certificação de armas do país

O executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo aprovou, esta quinta-feira, por unanimidade, a minuta do contrato de direito de superfície para ceder o […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo aprovou, esta quinta-feira, por unanimidade, a minuta do contrato de direito de superfície para ceder o terreno de 43 mil metros quadrados onde a Polícia de Segurança Pública (PSP) pretende instalar o primeiro centro de certificação de armas do país. O autarca José Maria Costa indicou que este terreno será cedido à PSP “por tempo indeterminado, enquanto o centro se mantiver em funcionamento”, permitindo assim o nascimento do Banco de Provas (BdP) de Armas de Fogo e Munições na freguesia São Romão de Neiva, no concelho vianense. Este centro, o 15º a nível mundial, será instalado em terrenos que estão junto à fábrica belga de armas FN Herstal, que produz armas Browning e Winchester e que, atualmente, tem de certificar a produção na Bélgica.

Aos jornalistas, no final da reunião de executivo, o socialista José Maria Costa revelou que será “um importante apoio à Browning, evitando que as armas fabricadas em Viana do Castelo tenham de ir para outro país para serem testadas”. O autarca considera que este centro vai “aumentar a competitividade” e até “atrair outras fábricas de armas que poderão vir para Viana fazer testes de balística”.

Recorde-se que, em julho do ano passado, o diretor nacional da PSP afirmara que este centro de certificação de armas de fogo e de munições seria pioneiro em Portugal e representaria um investimento de 2,3 milhões de euros, devendo tornar-se uma realidade em 2019, já que a polícia conseguiu candidatar o projeto a fundos do Portugal 2020.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts